MENU

Dilma diz que está recuperada, mas em "fase de descanso"

Dilma diz que está recuperada, mas em "fase de descanso"

Atualizado: Quinta-feira, 5 Maio de 2011 as 1:56

A presidente Dilma Rousseff disse nesta quinta-feira (5), após receber o presidente da Alemanha, Christian Wulff, no Palácio do Planalto, que já está recuperada da pneumonia. Ela passou o último fim de semana em São Paulo fazendo exames no hospital Sírio-Libanês.

"Recuperada eu estou, mas estou em fase de descanso", afirmou. Apesar de os médicos terem recomendado repouso, Dilma despachou com o ministro de Minas e Energia, Edison Lobão, na segunda-feira (2), algumas horas depois de chegar de São Paulo. Ao longo da semana, a presidente optou por ficar no Palácio da Alvorada, residência oficial da Presidência, mas não deixou de receber ministros e funcionários do gabinete.

Nesta quarta (4), ela teve reuniões com os ministros da Fazenda, Guido Mantega, de Ciência e Tecnologia, Aloizio Mercadante, do Desenvolvimento Indústria e Comércio Exterior, Fernando Pimentel, da Educação, Fernando Haddad, da Casa Civil, Antonio Palocci, e de Relações Institucionais, Luiz Sérgio.

Segundo informações do Planalto, ela também acompanhou por telefone as negociações sobre o projeto que altera o Código Florestal. A nova legislação ambiental foi alvo de negociações na Câmara e no Palácio do Planalto durante toda a terça e quarta. O governo ficou insatisfeito com alguns pontos da proposta apresentada pelo relator do projeto na Câmara, Aldo Rebelo (PCdoB-SP), principalmente sobre o que trata da exigência de recomposição da reserva legal.

Os ministros da Casa Civil e de Relações Institucionais foram encarregados de negociar com Rebelo e tentar convencê-lo a alterar o texto para que pequenos produtores também sejam obrigados a recompor a reserva legal. No entanto, o deputado afirmou que não vai recuar no artigo que isenta agricultores com propriedades de até quatro módulos rurais de recompor áreas da reserva legal desmatadas por eles. Por causa do impasse, a votação do Código Florestal, prevista para quarta-feira (4), foi adiada para a próxima terça-feira (10).  

veja também