MENU

Dilma nega problemas com o PMDB e diz que Temer 'não está escondido'

Dilma nega problemas com o PMDB e diz que Temer 'não está escondido'

Atualizado: Quarta-feira, 20 Outubro de 2010 as 7:45

A candidata do PT à Presidência, Dilma Rousseff, negou nesta terça-feira (19), em Goiânia, uma crise em relação ao PMDB, partido de seu vice na chapa, o deputado federal Michel Temer (SP). A candidata foi questionada sobre a ausência do peemedebista nas veiculações da coligação no rádio e na televisão. Desde o início da campanha eleitoral, Temer não apareceu na propaganda de Dilma.

“Eu não considero que haja problema com o PMDB na minha campanha. [...] Não é verdade. O PMDB, em sua grande maioria, tem apoiado minha candidatura e tem sido um partido excepcional. Tenho um vice de extrema qualidade e ele não está escondido”, afirmou Dilma.

A candidata do PT disse ainda que espera contar com o vice em sua propaganda eleitoral em breve. “Considero muito importante a presença dele na televisão e espero que ele apareça nos próximos programas”, afirmou.

No começo do mês, Temer coordenou um encontro de lideranças peemedebistas em Brasília em que a participação na campanha foi um dos temas da reunião. “Acho extremamente útil que agora estejamos todos unidos. O que se pleiteia é que o PMDB tenha mais presença”, disse Temer, na época.

Ciro Gomes

Dilma também falou sobre as críticas de Ciro Gomes – alçado à condição de um dos coordenadores de sua campanha – à coligação do PT com o PMDB, ainda na fase de pré-campanha. O deputado, que pleiteava disputar a Presidência, chegou a dizer que a aliança entre os dois partidos era "terreno fértil" para a corrupção e um "roçado de escândalos semeados ".

“Ele fez algumas declarações com as quais eu não concordo, mas nós estamos em outro momento. Considero que o Ciro fez aquelas declarações quando ele estava em um momento especial, estava magoado, não seria mais candidato a presidente. Acho que não é essa a visão dele sobre o Michel. É aquela coisa, às vezes num momento de emoção a gente exagera e fala demais”, disse a candidata.

Dilma participa nesta noite de comício em Goiânia. À tarde, a candidata se reuniu com representantes de movimento em defesa da construção de moradias e chegou a receber uma carta com pedidos para o setor, caso venha a ser eleita.

  Robson Bonin Do G1, em Goiânia

veja também