Dilma se diz "injustiçada" em polêmica sobre suposto dossiê e nega responsabilidade

Dilma se diz "injustiçada" em polêmica sobre suposto dossiê e nega responsabilidade

Atualizado: Sexta-feira, 4 Junho de 2010 as 4:24

A pré-candidata do PT à Presidência, Dilma Rousseff, negou nesta sexta-feira (4) que integrantes da equipe de sua campanha tenham tentado produzir um suposto dossiê contra o tucano José Serra. A ex-ministra da Casa Civil falou em Brasília, onde participa de evento com a FUP (Federação Única dos Petroleiros). Ela voltou a dizer que a acusação é falsa e infundada.

- Tais documentos, se existem, não foram produzidos por nós. Tenho certeza que a verdade vai prevalecer. Eu estou sendo claramente injustiçada. E vou repetir, é uma falsidade e uma ignomínia.

A petista afirmou que prefere discutir projetos para o país em alto nível a polêmicas dessa natureza.

- Eu estou nessa história, que é uma historia que eu lamento que o nível tenha chegado a isso, [mas estou] disposta a fazer um debate de alto nível, e não ficar respondendo a esse tipo de acusação infundada.

Dilma também elogiou a decisão do presidente do partido, José Eduardo Dutra, de interpelar Serra na Justiça devido às afirmações que fez responsabilizando Dilma pela elaboração do suposto dossiê.

- O presidente do PT tomou a atitude cabível nesse caso.

Em nota divulgada nesta quinta-feira (3), Dutra disse que ''a interpelação tem por objetivo o esclarecimento, por parte do candidato tucano, sobre as declarações que tem feito à imprensa em que atribuiu ao PT e à candidata Dilma Rousseff a elaboração de um suposto dossiê, no qual seriam reunidas denúncias contra ele''.

Durante a semana, em São Paulo, Serra acusou diretamente sua adversária pela fabricação do suposto dossiê. Ele também atacou o PT.

- A principal responsabilidade por esse novo dossiê é da candidata Dilma Rousseff, não tenho dúvida. O PT tem uma longa tradição nessa matéria, então caberá a eles explicarem o que aconteceu.

veja também