MENU

Dilma tira dúvidas sobre segunda fase do "Minha Casa, Minha Vida"

Dilma tira dúvidas sobre segunda fase do "Minha Casa, Minha Vida"

Atualizado: Segunda-feira, 20 Junho de 2011 as 8:09

A presidente Dilma Rousseff disse na manhã desta segunda-feira (20), durante o seu programa de rádio "Café com a Presidenta", que pretende entregar 2 milhões de casas e apartamentos até 2014, na segunda fase do programa “Minha Casa, Minha Vida”. De acordo com a presidente, a maior parte dos imóveis será entregue a famílias com renda mensal de até R$ 1,6 mil.

“Vamos priorizar famílias que não puderam comprar sua casa ou apartamento. Esse é um sonho de cada brasileiro e brasileira”, afirmou Dilma.

Famílias com renda mensal de até R$ 1,6 mil terão, segundo a presidente, parte da casa paga pelo governo. “As famílias só pagarão parcelas fixas equivalentes a 10% da sua renda mensal, durante dez anos. No programa, as famílias mais pobres pagam apenas uma parte da moradia, a outra parte, o governo completa”, explica.

No caso de famílias com renda mensal entre R$ 1,6 mil e R$ 3,1 mil, parte do valor total da casa (que corresponda a uma parcela de até R$ 23 mil) também será paga pelo governo, além da possibilidade de menor taxa de juros para o restante do valor.

Famílias que têm renda mensal entre R$ 3,1 mil e R$ 5 mil poderão contar com juros mais baixos e um fundo que garantirá o pagamento para o banco.

Dilma afirmou ainda que o projeto da casa e do apartamento a serem entregues no programa também mudou. “Elas serão maiores, com piso de cerâmica em todo o imóvel e azulejos na cozinha e no banheiro. A casa também será mais moderna, com aquecimento solar térmico. Isso vai gerar uma boa economia de dinheiro para a família que vai morar na casa”, diz.

veja também