MENU

Direitos Humanos pede segurança para cidadãos do Rio de Janeiro

Direitos Humanos pede segurança para cidadãos do Rio de Janeiro

Atualizado: Sexta-feira, 26 Novembro de 2010 as 7:57

A Comissão de Direitos Humanos e Minorias lançou nesta tarde nota oficial sobre os confrontos ocorridos no Rio de Janeiro entre policiais e traficantes. O texto ressalta a necessidade de garantir a segurança da população civil.

Assinada pela presidente da comissão, deputada Iriny Lopes (PT-ES), a nota enfatiza a segurança trazida às comunidades onde foram implantadas as Unidades de Polícia Pacificadora (UPPs). O texto lembra, no entanto, que as notícias - algumas ainda sem confirmação da sua veracidade – sobre as mortes de moradores das comunidades pobres trazem pânico à população.

“Diante dos riscos inerentes a eventuais operações policiais realizadas sem as devidas precauções, assim como a pressão de setores que desprezam o direito à vida das populações pobres - que acabam se tornando alvo do tiro cruzado no confronto entre os marginais e a polícia - , é nosso dever apelar ao Exmo. Sr. Governador, Sérgio Cabral, ao Secretário de Segurança Pública, José Mariano Beltrame, e a todas as demais autoridades concernentes ao tema para que envidem todos os esforços para que as operações não resultem num massacre de cidadãos inocentes”, encerra a nota.

veja também