MENU

Diretor de "Bonnie and Clyde", Arthur Penn morre aos 88 anos nos EUA

Diretor de "Bonnie and Clyde", Arthur Penn morre aos 88 anos nos EUA

Atualizado: Quinta-feira, 30 Setembro de 2010 as 11:59

Arthur Penn, diretor do filme "Bonnie and Clyde", morreu na noite desta terça-feira (28), de uma falha no coração, aos 88 anos, nos Estados Unidos. De acordo com o jornal "New York Times", sua morte foi confirmada por Evan Bell, um amigo e consultor de Penn durante 25 anos. Ele havia completado 88 anos na segunda-feira. "Bonnie and Clyde", lançado em 1967, foi um dos filmes mais revolucionários por tratar sexo e violência de uma forma nunca antes vista no cinema.

Penn era considerado um pioneiro da televisão nos anos 1950 e se consagrou na Broadway nos anos 1960. Ele desenvolveu uma técnica espontânea de dirigir os atores que o permitia trabalhar em diversos meios.

Em 1957, ele dirigiu "The Miracle Worker", de William Gibson, para a televisão, pelo qual foi indicado ao Emmy como escritor. Em 1959, ele foi indicado ao Tony pelo mesmo trabalho.

Atualmente, ele trabalhava como produtor executivo da série "Law & Order".

Divulgação Os atores Faye Dunaway e Warren Beatty em cena do filme "Bonnie and Clyde - Uma Rajada de Balas" (1967)

veja também