MENU

Dois acidentes no Ceará deixam treze vítimas entre sábado e domingo

Dois acidentes no Ceará deixam treze vítimas entre sábado e domingo

Atualizado: Domingo, 17 Julho de 2011 as 10:25

Dois acidente no Ceará deixaram 13 mortos entre sábado e a madrugada deste domingo. Um deles ocorreu à 1h, no quilômetro 302 da BR-222, no município de Tianguá. De acordo com informações da Polícia Rodoviária Federal, um ônibus fretado vinha de Piauí, o veículo saiu da pista e capotou. O motivo que levou ao acidente ainda é desconhecido.

Segundo a Polícia Rodoviária, na lista do ônibus havia 45 nomes, mas a contagem oficial da polícia ainda não foi divulgada. Sete pessoas morreram; os corpos foram encaminhados ao Instituto Médico Legal (IML) de Sobral. O número de feridos ainda não foi oficialmente notificado. De acordo com a PRF, são cerca de 30. Eles foram encaminhados ao Hospital de Tianguá.

Ainda segundo informações preliminares da Polícia Rodoviária, os passageiros do ônibus acidentado vinham de Piauí a Fortaleza a passeio e tinham retorno agendado para 18h deste domingo.

O segundo acidente ocorreu por volta das 18h30 do sábado (16) na CE-060, na cidade de Barbalha, Região do Cariri do Ceará, e resultou em seis vítimas. De acordo com testemunhas, uma carreta colidiu com a traseira de ônibus que faz linha municipal. O ônibus teria perdido o controle e invadido uma casa e uma padaria da CE-060, que recebe o nome de Avenida Paulo Maurício na zona urbana de Barbalha.

O acidente deixou seis vítimas. Duas delas estavam na carreta, outras três eram da família que estava na casa que foi invadida pela ônibus. A sexta vítima foi uma senhora que estava na padaria. O ônibus levava 30 passageiros. Os feridos, ainda sem contagem oficial, foram levados ao Hospital Santo Antônio, ao lado de onde ocorreu o acidente; as crianças que sofreram ferimentos foram dirigidas ao Hospital São Vicente, também no município de Barbalha.

O Corpo de Bombeiros local informou ao G1 que a carreta estava carregada de um pigmento metálico usado para pintura de carro e outras substâncias inflamáveis. A corporação fez vigilância no local para evitar uma possível explosão. Os produtos derramados na pista têm odor forte que causaram náusea e irritação nos olhos dos moradores na vizinhança do local do acidente.          

veja também