MENU

Dona de vira-lata, diz que seu cão é um herói por salvar seu filho

Dona de vira-lata, diz que seu cão é um herói por salvar seu filho

Atualizado: Quinta-feira, 6 Outubro de 2011 as 8:25

Mãe e filha se recuperam do susto

(Foto: Ricardo Campos Jr./G1MS)

  A estudante Kenya Suelen, 16 anos, se recupera do susto e dos momentos de pânico que teve nesta quarta-feira (5), quando um cão da raça pit bull invadiu a casa dela e quase atacou sua filha de 3 anos, no Jardim Carioca, em Campo Grande.

A criança só não foi ferida por causa da intervenção do cão de estimação, o vira-lata Fofinho. O mascote foi ferido pelo outro cachorro e a dona espera buscá-lo no veterinário ainda nesta quinta-feira (6).

“Ele é um herói. Sem ele teria acontecido o pior”, disse a estudante ao G1 . Segundo ela, o pit bull mordeu o cãozinho, o levou por diversas quadras e somente o soltou após ser atropelado por um carro em uma avenida.   No momento do ataque, Kenya ficou desesperada e tentou atirar objetos, como pedras, pedaços de pau e até um banco de madeira, para salvar o bicho de estimação.

Fofinho deve receber alta nesta quinta-feira

(Foto: Tatiane Queiroz/G1 MS)

  Fofinho retornou ferido para casa. Vários vizinhos foram até a residência da família para vê-lo. Os donos do cachorro que havia provocado a confusão o levaram à clínica veterinária e arcaram com os custos.

Sete vidas

Kenya lembra que o Fofinho já esteve em outras situações delicadas. Ela conta que logo após a chegada à família, o vira-lata se engasgou com um osso e precisou ser levado para atendimento.

Há algumas semanas, o vira-lata foi atropelado por um carro. “Ele saiu na avenida e voltou para casa todo troncho, tivemos que levar ele ao veterinário”, disse Kenya. “Ele deve ter sete vidas”.

Providências

Mais do que ter o cãozinho de volta, a família do cãozinho espera que os donos do pit bull tomem alguma providência para evitar novos ataques.

Os vizinhos acionaram o Centro de Controle de Zoonoses (CCZ) para levar o pit bull. Os vizinhos, proprietários do pit bull, não foram encontrados para falar sobre o assunto.          

veja também