MENU

Duda Mendonça fará marketing de Marta Suplicy ao Senado

Duda Mendonça fará marketing de Marta Suplicy ao Senado

Atualizado: Quarta-feira, 30 Junho de 2010 as 8:22

O publicitário Duda Mendonça voltou a circular na cúpula do PT de São Paulo. Conforme revelou ontem o Painel, ele será o responsável pelo marketing da campanha de Marta Suplicy (PT-SP) ao Senado.

A escolha foi anunciada ao comando do partido no Estado na manhã de ontem, e causou desconforto.

Os coordenadores da campanha do senador Aloizio Mercadante (PT-SP) ao governo de São Paulo receberam a notícia com irritação. A razão é que Duda Mendonça não atuará apenas em favor de Marta Suplicy nas eleições deste ano.

Desde a pré-campanha, ele chefia o marketing de Paulo Skaf, candidato pelo PSB ao Palácio dos Bandeirantes, e, portanto, adversário de Mercadante.

No comando da campanha do senador ao governo de São Paulo estão Emidio de Souza, prefeito de Osasco, José Américo, vereador pelo PT na capital paulista, e Edinho Silva, presidente do partido no Estado.

A escolha de Marta pelo nome de Duda Mendonça voltou a despertar rumores quanto à unidade dos quadros do partido em torno da campanha de Mercadante.

Durante a pré-campanha, o PT paulista havia acordado que os publicitários Augusto Fonseca e Marcelo Simões trabalhariam tanto para a campanha de Mercadante quanto para a de Marta.

Eles também cuidariam do marketing de Netinho de Paula, candidato ao Senado pelo PC do B, na chapa do PT, ao lado da ex-prefeita.

''Ela [Marta] desistiu do acordo. Tem o direito'', afirmou José Américo.

Na convenção que oficializou a candidatura de Mercadante ao governo e de Marta ao Senado, realizada no último sábado em São Paulo, foram exibidos cartazes e jingles frutos do trabalho dos dois publicitários, que até ali trabalhavam para os dois.

Cuidados

Agora, coordenadores da campanha de Mercadante estudam uma forma de evitar que informações estratégicas, como análise interna de pesquisas, vazem para Duda, que estará na chefia do marketing de Marta.

''Pela proximidade que obviamente as campanhas de um candidato ao governo e de um ao Senado pelo mesmo partido tem, essa escolha se tornou desconfortável. Será um problema para nós'', disse um dos integrantes da campanha ao governo.

Haverá uma reunião hoje entre Marta, Mercadante e o comando das campanhas do PT no Estado. O assunto ''Duda Mendonça'' certamente será colocado à mesa.

Há ainda um temor que a escolha de Marta enfraqueça as relações da ex-prefeita com o comando da campanha de Dilma Rousseff (PT) à Presidência da República.

Quem comanda a campanha de Dilma é o marqueteiro João Santana, ex-sócio de Duda. Desde que deixaram de ser parceiros, os dois mantêm distância um do outro.

Por Daniela Lima

veja também