MENU

Eletricista morre após levar choque no Porto de Santos

Eletricista morre após levar choque no Porto de Santos

Atualizado: Segunda-feira, 17 Janeiro de 2011 as 8:16

Um eletricista de 38 anos morreu na manhã deste domingo (16) em Santos, no litoral de São Paulo, após receber um choque de mais de 6 mil volts no Porto de Santos. Segundo a assessoria de imprensa da Companhia de Docas do Estado de São Paulo (Codesp), responsável pelo porto, o rapaz trabalhava em uma empreiteira que prestava serviços no local e fazia um trabalho de manutenção na central elétrica da sede da Codesp.

O acidente aconteceu em um galpão que fica atrás do prédio da presidência da Codesp. Ronaldo Oliveira trabalhava em um disjuntor cuja energia era suficiente para abastecer de dois a três terminais.

O abastecimento de energia no porto é feito pela Usina de Itatinga e pela CPFL. A segunda pediu o desligamento da linha de transmissão neste domingo, e a Codesp aproveitou para fazer a manutenção.

Ainda segundo a empresa, a morte pode ter sido causada porque a vitima não cumpriu todos os procedimentos de segurança antes de iniciar o trabalho.

Por causa do acidente, toda a margem direita do porto ficou sem energia por sete horas. O terminal e passageiros só não ficou sem luz pois foi usado um gerador. O setor de segurança da Codesp vai investigar as causas do acidente.

veja também