Em BH, 65% dos candidatos a motorista são reprovados em exame

Em BH, 65% dos candidatos a motorista são reprovados em exame

Atualizado: Terça-feira, 12 Julho de 2011 as 11:24

Minas Gerais é considerado um estado rigoroso para quem quer tirar a carteira de habilitação. Levantamento feito pelo Departamento de Trânsito de Minas Gerais (Detran-MG) revela que, no ano passado, 65% dos candidatos da capital foram reprovados no exame de habilitação. No interior, o percentual de quem levou bomba, em 2010, foi de 57%.

Anderson França, chefe da Divisão de Habilitação do Detran-MG, explica que o número de aulas obrigatórias deveria ser maior e ainda atribui os índices a falta de preparo dos candidatos. “São necessárias apenas 20 horas aulas para realizar a marcação do exame prático, o mínimo deveria ser de 40 horas”, afirma. Para França, essa falta de preparo é um dos principais fatores que contribuem para o nervosismo do candidato.     França afirma que o órgão segue as regras determinadas pelo Departamento Nacional de Trânsito (Denatran) e que, por isso, muitas pessoas consideram difícil tirar carteira no estado.Ele exemplificou que, na hora de tirar a permissão para dirigir, se o aluno deixa de dar seta na hora de virar, perde três pontos. Se houver outro erro, o candidato a motorista é reprovado.

Segundo ele, o Detran-MG é rígido nas provas porque quer contribuir com a diminuição de acidente nas estradas. Contudo, como o estado tem a maior malha viária do país, fica mais suscetível.          

veja também