MENU

Em carta, Zé Elias diz ter virado chef de cozinha da cadeia

Em carta, Zé Elias diz ter virado chef de cozinha da cadeia

Atualizado: Quinta-feira, 28 Julho de 2011 as 3:29

Zé Elias está preso desde o dia 21 de julho em SP

(Foto: Reprodução/TV Globo)

  Preso desde o dia 21 de julho na carceragem do 33º Distrito Policial de São Paulo, em Pirituba, o ex-jogador de futebol Zé Elias disse em carta enviada ao G1 ter se tornado o “chef de cozinha” da cadeia, cozinhando para os outros presos. Ele afirmou ainda que tem passado seu tempo escrevendo um livro e lendo para um companheiro de cela que é cego. O ex-jogador se apresentou à polícia após receber um mandado de prisão pelo não pagamento de pensão dos dois filhos que tem com a ex-mulher. O valor exigido chega a R$ 1 milhão.

Perguntas feitas pelo G1 foram entregues ao jogador pela sua atual mulher, Renata de Loreto Ribeiro do Val Moedim, e respondidas nesta quinta-feira (28). Zé Elias citou o apoio de Renata no momento difícil que tem passado, e afirmou que deixou de pagar a pensão por ter ficado sem emprego. Ele tem outros dois filhos com a atual mulher, um menino de 3 anos e uma menina com 1 ano, que ainda não sabem da prisão. Renata vai todos os dias à delegacia para levar cartas ao marido.

Zé Elias também afirmou que está pleiteando na Justiça a redução do valor da pensão, e que sofre por saber que seus filhos são os maiores prejudicados com a prisão – tanto os que teve com Renata quanto os que teve com a ex-mulher, Silvia Regina Corrêa de Castro.

  José Elias Moedim Júnior foi revelado no Corinthians, clube que defendeu profissionalmente de 1993 a 1996. Ele também teve passagens por outros times grandes, como Bayer Leverkusen, da Alemanha, Internazionale, Bologna e Genoa, da Itália, e pelo Santos. O ex-atleta defendeu a Seleção Brasileira e conquistou a medalha de bronze nos Jogos Olímpicos de Atlanta, em 1996.

Confira abaixo a íntegra da carta com as respostas de Zé Elias.

G1 - Como está sendo sua rotina na prisão? Como é sua cela, com quantas pessoas você a divide, como passa os dias e as noites?

Zé Elias - Faço tudo o que os outros fazem, lavo pátio, lavo louça e agora sou o cozinheiro, chef de cozinha, faço a comida para o pessoal do X [xadrez]. Passo os dias escrevendo um livro, leio o livro para o cego que está na minha cela comigo.

G1 - Por que você deixou de pagar a pensão?

Zé Elias - Porque fiquei sem emprego.

Carta do jogador foi entregue por sua mulher (Foto: Reprodução)

  G1 - Como está sua situação jurídica agora? Pretende pagar o valor? Quer questioná-lo?

Zé Elias - Não posso pagar o valor, já não jogo futebol há três anos e tenho problemas de saúde, osteoporose na coluna e problema renal. Estou pleiteando a redução dos valores na Justiça e confio nos magistrados.

G1 - Espera sair logo da prisão?

Zé Elias - Só a Justiça que vai determinar isto.

G1 - Como é sua relação com os filhos que teve com sua ex-mulher?

Zé Elias - Com eles nunca tive problema, inclusive tenho laudo da assistente social e psicóloga dizendo que os meus filhos têm muito carinho por mim e também os amo muito, sofro porque sei que os maiores prejudicados desta história são eles.

G1 - Como está sua situação com sua atual mulher e seus filhos deste casamento? Vocês pretendem contar às crianças o que aconteceu?

Zé Elias - Se não fosse por ela, eu não suportaria toda esta situação. Ela é mulher, marido e mãe. O que sinto mais é que não posso dizer a ela o quanto a amo, como faço todos os dias. Sim, vamos contar [aos filhos do casal], mas com calma para que eles possam entender.

G1 - Você algum dia pensou que iria passar por esta situação?

Zé Elias - Nunca, você jamais espera passar por isso.            

veja também