MENU

Em MS, brasileira morre após fazer três cirurgias plásticas na Bolívia

Em MS, brasileira morre após fazer três cirurgias plásticas na Bolívia

Atualizado: Quinta-feira, 14 Julho de 2011 as 1:12

Uma brasileira morreu em Corumbá, cidade a 440 quilômetros de Campo Grande, após fazer três cirurgias plásticas na Bolívia na semana passada. Eunice Lemos Tavares, de 56 anos, não resistiu às complicações durante o translado em uma aeronave com UTI com destino a Rondônia, onde morava com a família. A morte ocorreu no aeroporto internacional de Corumbá no dia 5 de julho, mas o caso só foi divulgado à imprensa nesta quinta-feira (14).

A Polícia Civil solicitou laudo necroscópico para apontar as causas da morte de Eunice. O delegado Jeferson Rosa Dias, que investiga o caso, informou ao G1 que a mulher teria omitido dos médicos bolivianos que era hipertensa, segundo relatos de uma irmã que a acompanhou até o país vizinho. Além disso, não teriam sido realizados exames pré-operatórios, que apontam se o paciente tem ou não restrições clínicas para realizar o procedimento.

Eunice foi à Bolívia para fazer operações plásticas faciais, no abdômen e nos seios. A cidade de Santa Cruz de La Sierra é conhecida por oferecer cirurgias com preços atrativos - entre 50% e 70% mais baixos do que os praticados no Brasil, estima a polícia. Eunice residia em Vilhena, cidade a 700 quilômetros de Porto Velho. Rosa Dias afirma que aguarda os resultados periciais para decidir se pede o indiciamento do médico boliviano ou arquiva o caso.        

veja também