Em Santos, jovem estudante sem habilitação bate moto em van e morre

Segundo testemunhas, motorista da van cruzou o sinal vermelho. Vítima morreu no local; acidente ocorreu em Santos, no litoral de SP.

Fonte: Globo.comAtualizado: quarta-feira, 10 de setembro de 2014 14:51
Jovem estudante não possuía habilitação
Jovem estudante não possuía habilitação

Uma jovem universitária sem habilitação morreu após sofrer um acidente de moto em Santos, no litoral de São Paulo, na noite desta terça-feira (9). Segundo informações da Polícia Militar, Juliana Rothje, de 20 anos, que estudava Comércio Exterior, chegou a ser levada ao Pronto Socorro Central da cidade, mas chegou à unidade de saúde já em óbito.

Testemunhas afirmam que a van, que faz transporte coletivo no município, teria atravessado o sinal vermelho e colidido com a motociclista, no bairro Vila Mathias, e que o condutor não teria socorrido a vítima. Para a Polícia Militar, o motorista da van afirmou que o sinal estava verde para ele.

Segundo a polícia, além da vítima, não houve outros feridos no acidente. A ocorrência foi encaminhada ao 7º Distrito Policial (DP) do municípío, onde será investigada. De acordo com o boletim de ocorrência, a vítima não possuía habilitação para conduzir a motocicleta.

Por meio de nota, a Companhia de Engenharia de Tráfego (CET) esclarece que a autolotação regulamentada é um serviço permissionário, semelhante aos transportes escolar e de táxi.

Obrigatoriamente, os veículos passam por vistoria anual na CET, quando são verificadas todas as condições de segurança. A CET informa ainda que a moto envolvida na ocorrência foi guinchada por falta de licenciamento.

Segundo a Prefeitura de Santos, um dos veículos não respeitou a sinalização semafórica, porém, não é possível apurar qual das partes infringiu a lei. Sobre o motorista não ter prestado socorro à vítima, a Administração Municipal afirma que a informação não procede, pois a van ficou alocada na via juntamente com o motorista. A verificação sobre o estado de embriaguez do condutor é feita pelo policial que atende à ocorrência.

Siga-nos

Mais do Guiame

O Guiame utiliza cookies e outras tecnologias semelhantes para melhorar a sua experiência acordo com a nossa Politica de privacidade e, ao continuar navegando você concorda com essas condições