MENU

Empresa aérea vende passagens em estações do Metrô de SP

Empresa aérea vende passagens em estações do Metrô de SP

Atualizado: Quarta-feira, 30 Março de 2011 as 2:24

Hoje em dia é cada vez mais comum encontrar passagens aéreas com preços baratos e vantajosos, o que tem atraído pessoas que nunca viajaram de avião por causa do alto custo. Pensando nisso, uma empresa aérea resolveu montar postos de atendimento em três estações de Metrô da capital: Itaquera, Luz e Sé, das 9h às 19h.

De cada dez pessoas que compram a passagem no quiosque na estação Sé do metrô, três nunca voaram de avião. Os atendentes estão treinados para tirar as dúvidas dos passageiros de primeira viagem e evitam palavras como “check-in” ou “overbooking”.

Pela estação passam 700 mil pessoas por dia. Para os passageiros, as lojas do Metrô têm outro atrativo: promoções especiais. Quem compra passagem de ida, por exemplo, paga apenas R$ 10 no bilhete de volta.

Os bilhetes com tarifas promocionais possuem regras diferentes dos convencionais. Por isso, o Procon lançou uma cartilha com orientações para aproveitar promoções sem dor de cabeça:

- Confira se é possível mudar de data e destino

- Quais as condições para cancelamento e reembolso

- Fique atento ao número de dias que você pode ficar no local, ou seja, o prazo mínimo e máximo de permanência

- Sempre cheque a data de validade do bilhete

Todas as informações devem estar escritas no bilhete. Se a passagem for adquirida por telefone ou internet, o consumidor tem prazo de sete dias para se arrepender da compra e cancelar.

Outras dicas

O Procon orienta que o consumidor deve anotar o nome do atendente e o código de reserva. Ao retirar o bilhete, observe se a data, a hora, a validade, o local de embarque e o número de voo, estão corretos. Também é necessário verificar a reserva do lugar e confirmar o embarque e os horários de apresentação para o check-in.

Caso haja atraso de voo, o consumidor tem prioridade no próximo embarque da companhia aérea com o mesmo destino ou ser direcionado para outra companhia, sem custo. Também tem direito de receber de volta a quantia paga, ou ainda hospedar-se em hotel por conta da empresa.

Malas, sacolas, pacotes ou bolsas de mão devem ser identificadas, dentro e fora, com etiquetas que contenham nome, endereço completo e telefone. Equipamentos eletrônicos devem ser declarados no posto da Receita Federal localizado dentro do aeroporto. Caso a bagagem seja extraviada, registre imediatamente a ocorrência no balcão da companhia ou nas seções de Aviação Civil da Anac.      

veja também