MENU

Estado 'corre atrás' da população pobre, afirma Dilma em Alagoas

Estado 'corre atrás' da população pobre, afirma Dilma em Alagoas

Atualizado: Segunda-feira, 25 Julho de 2011 as 1:06

A presidente da República, Dilma Rousseff, falou nesta segunda-feira (25) em Alagoas sobre ações do governo federal para conter a pobreza na região Nordeste, como a busca ativa, que consiste em identificar a atender as pessoas que mais precisam dos programas do governo.  

Em entrevista a rádios na cidade de Arapiraca, a presidente afirmou que a população pobre não precisará mais “correr atrás” do estado.

“A população pobre sempre correu atrás do estado e muitas vezes bateu na porta e ninguém atendeu agora não. Ao invés dela correr atrás do estado, o estado corre atrás dela”, afirmou Dilma.

A presidente lança no interior de Alagoas ao plano Brasil Sem Miséria para a região Nordeste. Em Arapiraca, ela visitará a cooperativa de empacotamento de farinha formada por cerca de 40 casas de farinha daquela região. Como parte do plano, os produtores poderão vender seus produtos direto com a rede de supermercados.

Na tarde desta segunda, Dilma vai se reunir com governadores dos nove estados da região Nordeste para assinar o Pacto pela Erradicação da Miséria. Entre as ações, segundo a presidente, estão oferta de serviços de saúde, construção de cisternas e a criação de mais de 1,7 mil vagas de treinamento para capacitar pessoas para o mercado de trabalho.

“Um dos pactos que faremos com os governadores é para que cada estado faça um mapa das oportunidades para garantir que as pessoas saibam a que elas têm direito”, disse a presidente na entrevista às rádios.          

veja também