MENU

Exército monitora segurança de Obama dentro de forte no Rio

Exército monitora segurança de Obama dentro de forte no Rio

Atualizado: Domingo, 20 Março de 2011 as 2:16

O Exército montou no Forte Duque de Caxias, no Leme, zona sul, um centro de operações para monitorar todo esquema de segurança da visita do presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, ao Rio.

O forte fica próximo ao hotel Marriott, onde o presidente está hospedado em Copacabana e de onde ele saiu para visitar a favela Cidade de Deus, na zona oeste.

Cerca de 2.000 homens, 800 deles militares do Exército, além de policiais militares, civis e federais, participam da ação para proteger o presidente.

Segundo o Exército, não foram registrados problemas na segurança e a mudança de agenda de Obama não compromete a operação.

O presidente norte-americano deixou de visitar o Cristo Redentor na manhã deste domingo como estava previsto. "Está em aberto a visita ao Corcovado no final do dia", informou o Exército

DISCURSO

Após almoçar, o presidente americano deve se reunir com autoridades do Estado em almoço e depois seguir para o seu discurso no Theatro Municipal, que está previsto para as 15h.

O último compromisso da comitiva será um encontro com Daniel Martinelli, 21, grafiteiro da Cufa (Central Única das Favelas). Quinze painéis do artista de rua estão expostos.

O Serviço Secreto Americano proibiu que as pessoas presentes atualizem Twitter e Facebook durante a visita.

A comitiva presidencial americana deixará o Rio na manhã de segunda-feira, rumo ao Chile. Em seu giro pela América Latina, Obama também visitará El Salvador.

Por Hudson Corrêa

veja também