MENU

Faltam fiscais para combater transporte pirata no Distrito Federal

Faltam fiscais para combater transporte pirata no Distrito Federal

Atualizado: Quinta-feira, 26 Maio de 2011 as 8:52

O convênio entre DFTrans, Detran e Polícia Militar, para reforçar a fiscalização do transporte piratas nas vias do Distrito Federal, venceu a há pouco mais de um mês e não foi renovado. Até abril, 51 veículos piratas foram autuados pelo DFTrans.

“Sem esse convênio todo um trabalho pode ser perdido, apesar das três instituições serem autorizadas a fazer o combate à pirataria”, afirmou o diretor operacional do DFTrans Ricardo Leite.

Atualmente, o DFTrans tem apenas 22 fiscais nas ruas e que não trabalham exclusivamente no combate ao transporte pirata. O Detran conta com um efetivo de 120 agentes para fiscalizar todas as vias do DF.

E o déficit de fiscais não é o único problema. As penalidades também não intimidam. Na época em que o convênio foi firmado, os flagrantes de transporte irregular geravam multas de R$ 2 a R$ 5 mil, além da apreensão do veículo. Já o Detran, amparado só no Código de Trânsito Brasileiro, aplica nesses casos multa de R$ 85 e o carro é liberado na hora.          

veja também