MENU

Família de pedófilo deve colaborar na 'contenção', diz especialista

Família de pedófilo deve colaborar na 'contenção', diz especialista

Atualizado: Segunda-feira, 7 Novembro de 2011 as 10:35

Entre os cuidados mais essenciais que pais ou responsáveis por crianças podem ter para evitar episódios de violência sexual está o reforço de um velho ensinamento: “Não fale com estranhos”. A recomendação é do psicoterapeuta Mário Negrão. O assunto da pedofilia voltou à agenda de Curitiba recentemente, com a prisão de um homem suspeito de sequestrar pelo menos três crianças na capital. Algumas ações dele foram registradas em vídeo, o que ajudou a polícia. Esse homem foi encontrado na casa dele, em Pinhais, na Região Metropolitana.

Com uma conversa atraente, o suspeito conseguia convencer as meninas a abandonar a própria família e seguir com ele. Para Negrão, o perfil do abusador é muito difícil de ser definido, porque, quase sempre, eles não demonstram nenhuma doença.

Ainda para Negrão, muitos conseguem reprimir os desejos, pala culpa, em uma luta contra os próprios pensamentos. Já os que não sentem culpa alguma são, geralmente, os que praticam crimes sexuais.

Segundo o especialista, não há tratamento específico para abusadores de crianças: depois dos devidos acertos com a Justiça, as famílias deles é que deveriam colaborar na contenção.        

veja também