Famílias do Alemão vivem em encostas com risco de desabamento

Famílias do Alemão vivem em encostas com risco de desabamento

Atualizado: Terça-feira, 14 Dezembro de 2010 as 4:54

Moradores do conjunto de favelas do Alemão - que hoje está rodeado por equipes de segurança, após a ocupação da polícia - vivem um problema comum na maioria dos morros cariocas: muitas casas estão em encostas, em área de risco de desabamento.

A maioria das casas é feita de barro e madeira. Na Travessa São Felipe, as fortes chuvas de abril destruíram imóveis. A dona de casa Ana Cristina Reis estava em casa com o marido e o filho de seis meses quando a chuva invadiu todos os cômodos. “Eu já chamei a Defesa Civil para vir aqui pra resolver, eles falam que vão vir, mas nunca vêm”, disse ela.

A Defesa Civil informou que vai mandar uma equipe no alto do morro para checar a informação das casas. O morador que observar problemas de estruturas nos imóveis pode ligar para o número 199, da Defesa Civil.

Família abaixo da linha da pobreza

Também no Alemão, famílias que vivem abaixo da linha da pobreza não estão cadastradas em nenhum programa social.

A dona de casa Elizabeth Teixeira, que vive com oito filhos em um barraco de um cômodo, critica a falta de assistência social.

“Já fui na prefeitura, procurei o serviço social da prefeitura. Aonde falar que tá fazendo eu estou indo”, disse a dona de casa.

A coordenadora da Secretaria de Assistência Social, Quesia Santos, afirmou que uma equipe da secretaria vai verificar a situação do imóvel de Elizabeth. “Ela precisa de atualização do cadastramento único, para que ela possa acessar os programas sociais, como Bolsa Família, o Cartão Família Carioca e o Minha Casa Minha Vida”, disse a coordenadora.    

veja também