Favelas com UPP terão mais acesso à Justiça

Favelas com UPP terão mais acesso à Justiça

Atualizado: Segunda-feira, 6 Dezembro de 2010 as 8:54

Os moradores das favelas pacificadas do Rio de Janeiro terão o caminho à Justiça facilitado. Nesta terça-feira (7), será assinado um acordo de cooperação que levará o acesso a serviços jurídicos às comunidades atendidas pelas UPPs (Unidades de Polícia Pacificadoras).

O objetivo é criar espaços que ofereçam serviços de acesso à Justiça, como núcleos de mediação comunitários e conscientização de direitos, assistência jurídica e juizados especiais.

O secretário de reforma do Judiciário, Marivaldo Pereira, explicou os benefícios do projeto.

- A viabilização do acesso à Justiça para essas comunidades contribuirá para a redução dos conflitos e efetivação de direitos, com impacto direto na redução da violência e no enfrentamento da exclusão social, complementando o trabalho que vem sendo feito para a garantia da liberdade e da segurança dessas comunidades.

No total, o Rio tem 13 favelas pacificadas. São elas: Dona Marta, Cidade de Deus, Jardim Batan, Babilônia, Pavão-Pavãozinho, Ladeira dos Tabajaras, Providência, Borel, Formiga, Andaraí, Salgueiro, Turano e Macacos.

veja também