Favelas de SP terão plano de combate a incêndios

Favelas de SP terão plano de combate a incêndios

Atualizado: Segunda-feira, 22 Novembro de 2010 as 4:21

O prefeito de São Paulo, Gilberto Kassab, anunciou na manhã desta segunda-feira (22) um plano de combate a incêndios em favelas. O plano concebido em conjunto com a Eletropaulo e o Corpo de Bombeiros prevê, entre outras ações, a instalação de hidrantes e abertura de vielas.

“São medidas importantíssimas que serão adotadas. As novas vielas vão melhorar o acesso”, afirmou o prefeito durante vistoria às obras de demolição do edifício São Vito, no Centro. O plano também irá formar brigadas de incêndio, com líderes comunitários treinados para lidar com situações de risco.   Segundo Kassab, das 326 favelas analisadas pela Prefeitura, 50 receberão inicialmente essa medida. As primeiras comunidades que receberão o plano são consideradas as mais perigosas. Os bombeiros analisaram a quantidade de ligações elétricas clandestinas, mais conhecidas como “gatos”, material usado na construção das casas e dificuldades de acesso.

As favelas foram divididas pelas subprefeituras. Freguesia do Ó, Jabaquara e Vila Prudente têm seis favelas cada uma, com alto risco de incêndio. A primeira favela do projeto será a que está no topo da lista dos bombeiros: a favela Sônia Ribeiro, no Jardim Aeroporto, na Zona Sul.

A previsão da Prefeitura é que o plano comece a ser implantado em 2011 e termine no fim de 2012.    

veja também