MENU

Fenômeno solar chama a atenção da população na capital amazonense

Fenômeno solar chama a atenção da população na capital amazonense

Atualizado: Terça-feira, 22 Novembro de 2011 as 9:08

O fim de tarde desta segunda-feira (21) em Manaus ganhou um tom diferenciado, graças a um fenômeno natural conhecido como halo solar, evento que chamou a atenção da população da capital amazonense. De acordo com o Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet), o halo ocorre sempre que os raios solares dispersam nas partículas presentes nas nuvens, refletindo em todas as direções e em tonalidades diferentes.

"Foi o que aconteceu hoje em Manaus. Como o céu estava muito nublado no fim da tarde, a difração da luz solar dispersa nos cristais de gelo nas nuvens provocaram esse efeito luminoso que a gente viu", explicou a chefe do Distrito Meteorológico de Manaus, Lúcia Elaine Gularte. "Para que o fenômeno ocorra o topo da nuvem precisa estar congelado", completou.

Halo solar atraiu a atenção da população no fim de tarde desta segunda-feira (21) (Foto: Anderson Vasconcelos/G1) À parte as explicações mais técnicas, quem viu o fenômeno aprovou. "Foi lindo né? Achei inspirador, um presente de Deus. Pena que eu não estava com a minha máquina", disse a administradora Sissi Mikaella de Araújo, de 28 anos, que acompanhou o halo solar da laje da casa dela. A administradora recorda ter visto um fenômeno similar em 2009, quando estava no píer de um resort local.

Para o professor de língua italiana Augusto Salles, de 40 anos, a sensação foi diferente. "Me senti em outro planeta. Estava exatamente vendo televisão em casa, quando notei a luz laranja que vinha de fora e não era comum. Pena que só durou uns cinco minutos", lamentou. Salles acompanhou tudo do pátio da casa dele. "Achei massa. Muito maneiro!", resumiu.

Já o engenheiro mecatrônico Claudio de Freitas Soares, de 21 anos, estava trabalhando quando percebeu, através de uma das janelas da empresa, o fenômeno que definiu como "surreal". "Um espetáculo que nunca mais verei igual. Fiquei parado por um longo tempo contemplando, hipnotizado, e até esqueci de voltar pra mesa de trabalho", disse. Ele até chamou outros colegas para observar o evento natural. "Nunca vou esquecer", acrescentou.          

veja também