MENU

Feridos em assalto a van tiveram escoriações, dizem bombeiros do RJ

Feridos em assalto a van tiveram escoriações, dizem bombeiros do RJ

Atualizado: Quinta-feira, 25 Agosto de 2011 as 8:54

Os dois passageiros feridos no assalto à uma van na manhã desta quinta-feira (25) na Zona Portuária do Rio tiveram escoriações e foram levados para Hospital Souza Aguiar, no Centro, segundo o Corpo de Bombeiros. Um dos feridos, que seria americano, foi identificado como Cristopher Clayton, de 33 anos. O outro ferido, Hídio Oliveira, também de 33 anos, seria brasileiro. Pelo menos outros seis passageiros estavam na van, mas não ficaram feridos.

Ainda de acordo com os bombeiros, as duas vítimas contaram que seguiam para uma plataforma da Petrobras quando a van foi assaltada. Procurada pelo G1 , a Petrobras ainda não confirmou a informação, mas disse que está apurando o caso.

O crime aconteceu por volta das 6h desta quinta-feira (25). As primeiras informações passadas pelo Corpo de Bombeiros apontavam que uma van com pelo menos oito turistas estrangeiros foi assaltada na descido do Gasômetro, na altura do Caju.

'Queremos os gringos'

Segundo os bombeiros, o assalto começou quando os criminosos fecharam a van com um carro de passeio. O motorista do veículo disse para os bombeiros que os assaltantes entraram apontando um fuzil contra ele e dizendo "queremos os gringos", se referindo aos passageiros da van. No entanto, um ônibus que vinha logo atrás não percebeu que a van estava parada e colidiu na traseira do veículo, o que assustou os assaltantes.

Os bombeiros informaram ainda que, após a colisão, os assaltantes desceram da van e renderam um taxista que passava pelo local. O táxi foi roubado e eles seguiram fazendo o taxista refém. Ainda não há informações sobre o paradeiro dos criminosos nem do taxista que teria sido rendido.

Polícia Militar busca criminosos

De acordo com policiais do 4º BPM (São Cristovão), equipes do batalhão fazem buscas pelos suspeitos em toda a região.

As primeiras informações recebidas pela polícia apontam que pelo menos dois assaltantes participaram da ação. Eles teriam fugido em direção à Zona Oeste ou Centro do Rio, segundo denúncias passada à polícia.

Agentes de outros batalhões foram avisados e, segundo a PM, fazem cercos em suas áreas para evitar a fuga dos criminosos.          

veja também