MENU

Fórum onde juíza morta trabalhava ganha detectores de metais no RJ

Fórum onde juíza morta trabalhava ganha detectores de metais no RJ

Atualizado: Quinta-feira, 18 Agosto de 2011 as 3:29

O Fórum de São Gonçalo, na Região Metropolitana do Rio, onde trabalhava a juíza Patrícia Aciol i, que foi assassinada na última sexta-feira (12), ganhou detectores de metais, aparelhos de raio-X, esteiras para inspeção de bolsa e câmeras de segurança. Os equipamentos servem para aumentar a segurança dos novos juízes que assumiram o local.

O novo sistema de segurança será inaugurado oficialmente nesta quinta-feira (18) pelo presidente do Tribunal de Justiça (TJ), Manoel Rebêlo. O procurador Geral do Ministério Público, Cláudio Lopes participará de uma reunião com o presidente do TJ. O conteúdo da reunião não foi divulgado.

A juíza sofreu uma emboscada quando chegava em casa e foi atingida por 21 tiros, segundo policiais da Divisão de Homicídios.

Missa de 7º dia

Na noite de quarta-feira (17), parentes, amigos e colegas de profissão de Patrícia Acioli, participaram da missa de sétimo dia em homenagem à juíza.  A cerimônia, realizada na Capela Nossa Senhora das Graças, em Icaraí, também em Niterói, foi marcada por muita emoção, principalmente por parte dos parentes da juíza.

Operação contra transporte irregular

Foram apreendidos 14 veículos piratas durante operação “Forças Aliadas”, realizada pelo Departamento de Transportes Rodoviários (Detro), nesta quinta-feira (18). A operação começou às 6h e, segundo o Detro, é uma resposta à morte da juíza Patrícia Acioli, que combatia o transporte irregular na Região Metropolitana do Rio. Ela acontece nos municípios de Niterói, Maricá e São Gonçalo.

O presidente do Tribunal de Justiça do Rio (TJ-RJ) Manoel Alberto Rebêlo informou, na quarta-feira (17), que os policiais do 7º BPM (São Gonçalo), investigados pela 4ª Vara Criminal de São Gonçalo, na Região Metropolitana do Rio, serão transferidos para outros batalhões. Eles seguem trabalhando enquanto os caso não são julgados.          

veja também