MENU

Fotos de infrações de agentes da CET são colocadas em redes sociais

Fotos de infrações de agentes da CET são colocadas em redes sociais

Atualizado: Quinta-feira, 24 Novembro de 2011 as 8:27

Foto de carro da CET estacionado em vaga reservada a deficientes físicos em São Paulo é postada em página do Facebook (Foto: Reprodução/Facebook) Agentes da Companhia de Engenharia de Tráfego (CET) de São Paulo foram flagrados nos últimos dias por internautas cometendo infrações que violam o Código de Trânsito Brasileiro (CTB). E as fotos dos ‘deslizes’ dos amarelinhos ou marronzinhos, como são conhecidos os fiscais da CET que tentam organizar o caótico trânsito da capital paulista, foram parar nas mídias sociais, como o Facebook.

Em um dos flagrantes registrados, um agente fala ao aparelho celular enquanto dirige. O internauta questionou: “Eles podem???”. E completou: “Vamos compartilhar (a foto)...”, lembrando em seguida que a CET dispõe de radares e câmeras para vigiar e multar motoristas infratores. Na situação inversa, são os marronzinhos que agora viraram alvo dos modernos aparelhos de telefonia celular, que fotografam e filmam.

De acordo com Código de Trânsito Brasileiro (CTB), é proibido falar ao celular enquanto dirige. A pena prevista é multa de R$ 117,24 e a perda de cinco pontos na carteira do motorista – uma infração média, portanto. A recomendação ao motorista é a de sempre desligar o aparelho quando estiver dirigindo ou então parar o veículo em local seguro quando for atender o celular.

Em outro flagrante, uma picape da CET, com cones de orientação de pista na parte traseira, está estacionada em uma vaga exclusiva para portadores de necessidades especiais. No local, há sinalização de solo e placa de advertência para os motoristas.

De acordo com o artigo 181 do CTB, estacionar em desacordo com a sinalização, incluindo placas de estacionamento privado, é infração leve, sujeita à perda de três pontos na carteira, aplicação de multa - R$ 53,20 - e remoção do veículo. O comentário de um internauta sobre o flagrante foi irônico: “A CET surpreendendo. Tô (sic) gostando de ver...”

Agente da CET fala ao celular enquanto dirige

(Foto: Reprodução/Facebook) Consultada sobre os flagrantes, a CET, por meio de sua assessoria de imprensa, informou que “os agentes e funcionários da companhia também respondem pelas infrações de trânsito que cometem”. E acrescentou: “além disso, quando um agente é flagrado praticando uma irregularidade no trânsito é chamado para prestar esclarecimentos e pode ser punido administrativamente com advertência e suspensão”.

A CET esclareceu ainda que “todos os 2.400 agentes que trabalham na fiscalização e monitoramento do trânsito recebem treinamento periódico quanto às infrações estabelecidas pelo Código de Trânsito Brasileiro”. “Além de orientações para reforçar seus conhecimentos de fiscalização”, os agentes “também passam por reciclagem para aprimorar sua conduta no trânsito”, completa a companhia.

Segundo a CET, todos os canais de comunicação oficiais do órgão “estão abertos para receber reclamações e denúncias, inclusive desta natureza”. A CET, no entanto, não informou quem é responsável por fiscalizar os seus próprios agentes.          

veja também