MENU

Gabi procura homens que amam demais

Gabi procura homens que amam demais

Atualizado: Quinta-feira, 11 Março de 2010 as 12

Depois de refletir sobre o amor obsessivo e parar numa reunião do grupo Mulheres Que Amam Demais Anônimas (Mada), Marília Gabriela encontrou os caminhos que a levaram ao livro Eu Que Amo Tanto , lançado em dezembro de 2008, com textos dela e fotos de Jordi Burch. Marília ouviu depoimentos e contou a história de 13 mulheres anônimas, que foram ao fundo do poço por conta de relacionamentos doentios, construídos em bases frágeis de auto-estima e desespero diante da vida.

Agora, Marília está se dedicando a um novo desafio. Ela quer encontrar homens que tenha coragem de contar suas histórias de amor obsessivo. "Quero encontrar homens que tenham coragem de contar suas experiências de amores obsessivos", revelou a jornalista ao Portal CARAS.

Mas a tarefa não tem sido fácil. Marília não tem conseguido homens que queiram contar suas desilusões. "Quero histórias fortes. Quero encontrar homens que tenham ido ao fundo do poço por causa de uma relação, mas não tem sido uma tarefa fácil". Por isso, Marília está procurando ajuda. Ela decidiu colocar o e-mail [email protected] à disposição daqueles que queiram dividir suas histórias. Ela garante que tudo é mantido em anonimato.

Assim que divulgou o e-mail, Marília já começou a receber depoimentos. Todas as mensagens são lidas e analisadas cuidadosamente. Ela garante que ninguém ficará sem resposta. Marília embarcou nesta semana para a Europa, mas, assim que voltar, depois do dia 20, vai mergulhar na seleção das histórias que entrarão no livro. Como o projeto ainda está no começo, ela ainda não consegue dizer quando será lançado.

veja também