MENU

Garota desaparece no AM após mulher pedir transferência escolar

Garota desaparece no AM após mulher pedir transferência escolar

Atualizado: Sábado, 9 Julho de 2011 as 9:28

A Secretaria de Educação do Amazonas abriu uma sindicância nesta sexta-feira (8) para apurar a emissão de uma transferência de matrícula de uma aluna de 16 anos para uma mulher que se passou por tia da garota. O caso aconteceu na escola estadual Ernesto Penaforte, na zona leste de Manaus, na quarta-feira. No mesmo dia, a aluna desapareceu, segundo a Polícia Civil. A mulher, que recebeu o documento de transferência e é suspeita de envolvimento no desaparecimento da adolescente, é branca e tem o cabelo louro. A polícia trabalha com a suspeita de aliciamento de jovens para uma rede de prostituição infantil. A Delegacia Especializada na Assistência e Proteção à Criança e ao Adolescente disse que a estudante foi vista, pela última vez, embarcando no aeroporto internacional de Manaus em um voo para a Bahia. Ela estava acompanhada de uma mulher com as mesmas características. A gerente de monitoramento de gestão escolar da Seduc (Secretaria de Educação), professora Darci de Oliveira, disse que a estudante havia solicitado a transferência escolar na semana passada. O pedido foi negado porque ela era menor. Na quarta-feira, a aluna apareceu na escola com a mulher, que se apresentou como responsável por ela. "A direção da escola errou e foi advertida em expedir a transferência sem consultar a família", afirmou Oliveira. Eliane Maciel, 43, mãe da adolescente, disse que, na quarta-feira, a menina saiu de casa dizendo que iria estudar na casa de uma amiga. "Ela estava muito triste", disse. "Ela pode estar passando risco", afirmou. Duas equipes da delegacia de Manaus estão em busca de pistas da garota, e a polícia da Bahia já foi acionada. O nome da suspeita não foi divulgado.  

veja também