MENU

Garoto que presenciou a mãe matar a companheira irá depor em Cuiabá

Garoto que presenciou a mãe matar a companheira irá depor em Cuiabá

Atualizado: Quinta-feira, 11 Agosto de 2011 as 10:57

O adolescente de 12 anos, filho da mulher suspeita de matar a companheira a facadas no bairro Altos da Serra, em Cuiabá, será o primeiro a prestar depoimento no inquérito conduzido pela delegada Silvia Pauluzzi, da Delegacia de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP), que investiga o caso. Segundo a delegada, o garoto presenciou o momento em que a mãe, que está gravida, desferiu vários golpes de faca contra a parceira dela nesta terça-feira (9).

Ao contrário do que a Polícia Militar havia informado em princípio, a vítima não estava grávida e sim a autora do assassinato, como esclareceu a delegada ao G1 . Pelas informações colhidas com os vizinhos, a delegada afirmou que o casal homossexual morava na mesma casa há aproximadamente três anos e que a mulher assassinada não estaria aceitando a gravidez da parceira, fruto de um relacionamento extraconjugal.

Além do menino de 12 anos, considerado principal testemunha do fato, a mulher suspeita de cometer o assassinato também tinha outros quatro filhos. Destes, três foram adotados pela companheira. "Pelo que percebemos, as crianças gostavam muito da vítima, tanto que a chamavam de pai", disse Silvia Pauluzzi, ao comentar que o adolescente contou que a vítima cuidava dele e de seus irmãos.

Os filhos da suspeita do crime, que encontra-se foragida da polícia, estão aos cuidados da avó materna. A delegada informou ainda que o inquérito será instaurado nesta quinta-feira (11) e outras pessoas serão intimadas a prestar esclarecimentos, como os vizinhos e os familiares da vítima e da suspeita de cometer o crime.             

veja também