MENU

Gêmeas siamesas de 10 meses se recuperam após separação em SP

Gêmeas siamesas de 10 meses se recuperam após separação em SP

Atualizado: Quarta-feira, 8 Dezembro de 2010 as 5:10

Duas gêmeas siamesas que eram grudadas pela parte superior do corpo foram separadas em São Paulo durante uma cirurgia delicada que durou 12 horas. O procedimento ocorreu na semana passada, e há nove dias as irmãs de 10 meses estão separadas. Elas se recuperam bem.   Segundo os médicos, a cirurgia que separou Kauany e Keroly foi um sucesso. Mais confiante, a mãe delas comemora o progresso. “Elas dormiram bem também, não deram febre de noite. Cada melhora qualquer gesto que a gente acha que está melhor, a gente fica mais tranquila”, contou Selma Gonçalves Maurício Miranda.

A recuperação depois da cirurgia delicada é mais um passo em uma caminhada cheia de obstáculos. As gêmeas estavam unidas pela parte superior do corpo. Primeiro, os médicos separaram a membrana que envolvia os corações das meninas. Depois, separaram fígado, intestino grosso, aparelhos urinários e os órgãos reprodutores das duas. Por último foi separada a parte óssea e muscular.

Já separadas, elas foram levadas para salas diferentes. Cada uma foi operada por uma equipe médica. “A nossa avaliação da cirurgia foi boa, trabalhosa, porém muito boa. Felizmente passaram a fase inicial de pós-operatório. Saíram da UTI, agora estão numa fase de longa recuperação pós-operatório, que eu diria de alguns meses, até nós termos a cicatrização dessas estruturas todas”, explicou o médico Uenis Tannuri, do Instituto da Criança.

“Com fé em Deus a gente vai conseguir de novo, porque agora é como a elas tivesse nascido de novo né?”, disse a mãe das meninas. Ainda não há previsão de alta para as meninas.    

veja também