MENU

Governador de SC chama de "burra e antipatriótica" guerra fiscal

Governador de SC chama de "burra e antipatriótica" guerra fiscal

Atualizado: Terça-feira, 21 Junho de 2011 as 2:29

O governador de Santa Catarina, Raimundo Colombo, que trocou o DEM pelo PSD, afirmou ontem que "é legítimo" que cada Estado lute para defender seus interesses em relação aos royalties do petróleo.

Ele disse que, se necessário, mobilizará os senadores do Estado para derrubarem o veto do ex-presidente Lula que partilhava os royalties da exploração entre todos Estados e municípios.

Colombo se reuniu com a presidente Dilma Rousseff na manhã de hoje, pouco antes da presidente viajar ao Rio de Janeiro.

Na pauta, segundo o governador, apenas assuntos administrativos, como construção e melhoria de rodovias no Estado e as obras do aeroporto de Florianópolis, que devem ser licitadas nos próximos meses.

Participaram da reunião as duas novas ministras palacianas: Gleisi Hoffmann (Casa Civil) e Ideli Salvatti (Relações Institucionais), que tem base eleitoral em Santa Catarina e perdeu a disputa ao governo do Estado para Colombo.

Colombo se juntou ao coro de governadores que reclamam da forma como é indexada a dívida dos Estados e chamou de "burra e antipatriótica" a guerra fiscal entre os Estados.

veja também