MENU

Governo de SP sanciona projetos que reestruturam polícias paulistas

Governo de SP sanciona projetos que reestruturam polícias paulistas

Atualizado: Quarta-feira, 26 Outubro de 2011 as 8:28

O governador de São Paulo, Geraldo Alckmin, sancionou nesta terça-feira (25) cinco projetos de leis complementares que reestruturam as carreiras policiais. Segundo o governo, entre os benefícios estão a extinção da classe de acesso das carreiras policiais civis e científicas e aumento salarial a todos os policiais -15% retroativos a julho de 2011 e 11% a partir de agosto do ano que vem.   Na Polícia Civil, o pacote de mudanças inclui a criação de 20 vagas para delegado de classe especial e a extensão da Gratificação de Acúmulo de Titularidade (GAT) aos delegados que comandem mais de uma delegacia. Outra mudança é a promoção automática: após completar 15 anos de serviços, o policial será promovido para uma classe superior. Os aposentados e os pensionistas também terão a incorporação de gratificações.

A promoção ao posto imediato para oficiais foi um dos benefícios da Polícia Militar. Ao se aposentar, os policiais militares recebem uma promoção de patente e terminam a carreira com um salário maior. Esse benefício, porém, antes não era estendido aos oficiais. De acordo com o governo, cerca de 5 mil PMs serão beneficiados com a lei.

Outra mudança na PM é a preterição: policiais que completarem o tempo de trabalho -62 anos de idade ou 30 anos de carreira- e não conseguirem avançar na hierarquia da corporação serão aposentados compulsoriamente. Com essa nova medida, 47 oficiais devem passar para a reserva ainda neste ano.

veja também