MENU

Governo estuda utilização de cápsula de aço para armazenar lixo nuclear

Governo estuda utilização de cápsula de aço para armazenar lixo nuclear

Atualizado: Quinta-feira, 21 Agosto de 2008 as 12

Governo estuda utilização de cápsula de aço para armazenar lixo nuclear

O ministro de Minas e Energia, Edison Lobão, falou ontem, dia 19 de agosto, sobre a possibilidade de utilização no Brasil de uma cápsula de aço que armazena o lixo nuclear e que garante a segurança dos rejeitos por mais de 500 anos. Ela abrigaria o lixo nuclear da Usina de Angra 3 e das próximas que serão construídas no Brasil.

A proposta foi apresentada no dia 18 de agosto pelo presidente da Eletronuclear, Othon Luiz Pinheiro da Silva, durante reunião do Comitê de Desenvolvimento do Programa Nuclear Brasileiro. O modelo foi apresentado nos Estados Unidos e elogiado por órgãos ligados a usinas nucleares.

Questionado se essa cápsula de aço será o modelo usado em Angra 3, Lobão respondeu que “muito provavelmente” e não soube precisar qual seria o custo do equipamento.

A discussão sobre a destinação do lixo nuclear foi tema dominante na reunião do Comitê realizada no dia 18 de agosto. Na ocasião, o ministro do Meio Ambiente, Carlos Minc, pediu mais detalhes técnicos sobre essa proposta de destinação de rejeitos.

Lobão falou ainda que das quatro usinas nucleares que o governo estuda construir, duas seriam instaladas no Nordeste. Até o momento, quatro estados se propuseram a abrigar as usinas: Bahia, Pernambuco, Sergipe e Alagoas.

As declarações de Edison Lobão foram feitas após reunião no Palácio do Planalto.

veja também