MENU

Governo Federal lista ações de ajuda às vítimas das chuvas

Governo Federal lista ações de ajuda às vítimas das chuvas

Atualizado: Segunda-feira, 17 Janeiro de 2011 as 2:04

O governo federal publicou nesta segunda-feira (17) as ações para a prestação de socorro às vítimas das enchentes, na região serrana, do Estado do Rio de Janeiro.

Além dos R$ 100 milhões repassados na última sexta-feira (14) ao Governo estadual e às Prefeituras, o Ministério da Defesa destacou 586 militares do Exército, da Marinha e da Aeronáutica para atuar no resgate de corpos e na ajuda aos sobreviventes. Doze helicópteros, 74 viaturas e duas retroescavadeiras, três ambulâncias, um caminhão basculantes, uma viatura “Munk” e duas pás escavadeiras foram deslocados para a região. Um hospital de campanha foi montado e um gerador e uma torre de iluminação abastecem de energia o local.

A Força Nacional, do Ministério da Justiça, mantém 225 homens no Estado. Desses, 80 são bombeiros militares especialistas em resgates, 130 policiais militares e 15 peritos para auxiliar na identificação dos corpos. Oito mil cestas de alimentos foram doadas e a Companhia Nacional de Abastecimento encaminhou 44 toneladas para Teresópolis, Petrópolis, Nova Friburgo Areal.

O Ministério da Saúde disponibilizou sete toneladas de medicamentos e insumos. A quantidade é suficiente para atender 45 mil pessoas por até um mês. Cinquenta voluntários e 300 profissionais de saúde estão de prontidão no atendimento às vítimas. Quatro mil barracas de lona foram montadas.

Ainda nesta segunda-feira (17), entra em vigor decreto assinado pela presidente Dilma Rousseff, que define em R4 5,4 mil o valor máximo de saque na conta vinculada do FGTS por trabalhadores vítimas de desastres naturais. O Decreto nº 7.428 já foi publicado no Diário Oficial da União.

O trabalhador pode realizar a habilitação junto à Caixa Econômica Federal, comprovando que morava em uma das áreas afetadas delimitadas pela Prefeitura, por meio de contas de água, luz ou telefone, entre outros meios de comprovação. O titular da conta do FGTS que não dispuser de meios para comprovação do endereço residencial, poderá apresentar declaração emitida pela Prefeitura municipal da cidade onde mora.

Tragédia das chuvas O forte temporal que atingiu o Estado do Rio de Janeiro na terça-feira (11) deixou centenas de mortos e

milhares de sobreviventes desabrigados e desalojados, principalmente na região serrana. As cidades de Nova Friburgo, Teresópolis, Petrópolis, Sumidouro e São José do Vale do Rio Preto foram as mais afetadas. Serviços como água, luz e telefone foram interrompidos, estradas foram interditadas, pontes caíram e bairros ficaram isolados. Equipes de resgates ainda enfrentam dificuldades para chegar a alguns locais.

O governo federal, o Estado e as prefeituras se mobilizam para liberar verbas. Empresas públicas e privadas, além de ONGs (Organizações Não Governamentais), recebem doações.

Os corpos identificados e liberados pelo IML (Instituto Médico Legal) começaram a ser enterrados quinta-feira (13).

Hospitais estão lotados de feridos. Médicos apelam por doação de sangue e remédios. Os próximos dias prometem

ser de muito trabalho e expectativa pelo resgate de mais sobreviventes.      

veja também