MENU

Greenpeace faz protesto contra exploração de petróleo no pré-sal

Greenpeace faz protesto contra exploração de petróleo no pré-sal

Atualizado: Segunda-feira, 9 Agosto de 2010 as 3:10

O Greenpeace realizou por volta das 9h desta segunda-feira (9) uma manifestação contra os riscos da exploração do petróleo em alto-mar em frente ao prédio onde fica a sede da British Petroleum (BP), em Moema, na Zona Sul de São Paulo. De acordo com a organizacão, a simulação de um vazamento foi um protesto contra a empresa e contra o pré-sal.

O protesto durou alguns minutos. Os ativistas trouxeram quatro barris e derramaram petróleo em frente ao prédio. Bichinhos de pelúcia foram jogados representando os danos à fauna causados pelos vazamentos.

Eles fixaram no chão com ajuda de uma furadeira uma placa com a seguinte frase: “BP Hoje, Pré-Sal Amanhã”, em referência ao vazamento de petróleo ocorrido no Golfo do México. Os funcionários do prédio, onde funcionam outras empresas, apenas observaram a manifestação, mas não tentaram impedi-la. A polícia foi chamada, mas chegou após o fim do protesto.

“Nós queremos chamar atenção para os riscos da exploração do petróleo em alto-mar. Essa exploração tem causado impacto ambiental, como vimos no Golfo do México. Esse é um protesto contra a British Petroleum e contra o pré-sal”, afirmou Ricardo Baitelo, coordenador da campanha pelas energias renováveis do Greenpeace. De acordo com Baitelo, a ONG faz campanha pela utilização de energias renováveis.

Ainda nesta segunda-feira, um protesto da organização deve acontecer nos Estados Unidos. O escritório da British Petroleum em São Paulo informou que não iria se pronunciar sobre o assunto.

Postado por: Thatiane de Souza

veja também