Guarda Municipal de Uberaba vai usar pistolas de choque

Guarda Municipal de Uberaba vai usar pistolas de choque

Atualizado: Terça-feira, 17 Maio de 2011 as 4:22

A Guarda Municipal de Uberaba, no Triângulo Mineiro, vai usar pistolas que emitem descargas elétricas no combate ao crime a partir de junho de 2011. Ao todo, 100 armas não-letais, chamadas Taser, foram importadas dos Estados Unidos e custaram cerca R$ 350 mil. A corporação informou que 103 guardas vão receber treinamento para utilizar os equipamentos.

A arma emite uma descarga elétrica que atinge o sistema nervoso, causando uma paralisação imediata e, depois, queda devido à perda temporária dos movimentos. Os choques não afetam o sistema cardíaco. Após o disparo, o cartucho pode alcançar até 10 metros de distância.

De acordo com a prefeitura da cidade, o município será o primeiro no estado a utilizar esse tipo de equipamento. A Secretaria de Estado de Defesa Social (Seds), não soube informar se outras cidades também utilizam esse tipo de pistola não-letal.

As pistolas possuem um chip de memória em que todas as ações são armazenadas. As armas funcionam com oito pilhas e a carga é suficiente para 100 disparos.

Segundo o comandante Marco Túlio Gianvechio, o uso da arma não tira a responsabilidade dos guardas municipais quanto à forma de agir diante das ocorrências. O objetivo do equipamento é facilitar o trabalho realizado por eles.

O secretario de Trânsito, Ricardo Sarmento, informou que depois de cada disparo, o guarda deverá fazer um relatório sobre o que motivou do uso da arma e descrever a ação.        

veja também