MENU

Homem dirige até delegacia após ser baleado em Guarulhos

Homem dirige até delegacia após ser baleado em Guarulhos

Atualizado: Segunda-feira, 29 Agosto de 2011 as 9:07

Um homem dirigiu até uma delegacia para pedir socorro após ser baleado na madrugada desta segunda-feira (29) em Guarulhos, na Grande São Paulo. Ele foi levado a um pronto-socorro pelo delegado de plantão, que diz que houve descaso de uma médica e das enfermeiras no atendimento à vítima.

O homem chegou à delegacia dirigindo à 1h30 da madrugada. Ao tentar estacionar, bateu de leve em um carro da polícia. Sangrando muito, pediu ajuda e foi levado pelo delegado e pelo investigador ao hospital.

“Essa pessoa chegou transtornada, jorrando sangue, balbuciando algumas palavras. O que pode ser entendido naquele momento é que ele teria dito que foi vítima de um roubo”, afirmou o delegado Luís Fernando Vaz da Silva.

O delegado disse que quando chegou ao hospital, pediu a ajuda, mas não foi atendido. Silva afirma que ele mesmo buscou uma maca dentro do pronto-socorro.

Houve demora no atendimento à vítima, de acordo com o delegado. “Quando nós percebemos que a enfermeira não iria tomar prontidão para conduzir a pessoa até o interior, o próprio investigador socorreu a vítima e a transportou”, disse Silva.

Nenhum representante do hospital quis falar sobre o assunto, mas uma enfermeira que acompanhou o atendimento disse que o socorro foi correto, que o delegado estava muito nervoso e que ele empurrou uma das enfermeiras.

Em nota, a Secretaria Municipal de Saúde de Guarulhos informou que o homem foi prontamente atendido quando chegou à Policlínica São João e que durante a madrugada foi transferido para o Hospital Geral de Guarulhos. Ainda nesta manhã, ele deve passar por uma cirurgia. Segundo os médicos, a operação é de risco – a vítima foi baleada no pescoço.            

veja também