Identificados bandidos que tentaram assaltar ônibus no Centro

Identificados bandidos que tentaram assaltar ônibus no Centro

Atualizado: Quarta-feira, 13 Julho de 2011 as 8:30

Foram identificados os dois homens que tentaram assaltar um ônibus, na noite desta terça-feira, no Centro do Rio, onde cinco pessoas - entre elas os próprios bandidos - ficaram feridas. Os presos são tio e sobrinho e estavam com uma pistola calibre 45. Rosildo Francisco, de 41 anos, e Jaílson de Lima da Silva, de 21 anos, não tinham passagens pela polícia até então. Após esse crime eles responderão por resistência, tentativa de homicídio e tentativa de latrocínio.

Os outros feridos foram identificados como Manoel Francisco Alves, de 51 anos, que levou um tiro na testa após ser usado como escudo pelos bandidos; o soldado da Polícia Militar Paiva, baleado no pé; e Artur Lopes da Silva, de 21 anos. Manoel é cobrador e estava de carona no ônibus. Ele foi levado para o Hospital Souza Aguiar, no Centro. O ferido passou por uma cirurgia, onde os médicos constataram que houve bastante perda de massa encefálica. O seu estado é grave.

Passageiros contaram que os bandidos entraram no coletivo 352 (Curicica - Castelo), antigo 268 na altura da passarela três da Avenida Brasil, no Caju. Quando o ônibus passava em frente à Rodoviária Novo Rio, na Avenida Francisco Bicalho, eles anunciaram o assalto. Bastante nervoso, Jaílson, que estava armado, ameaçou atirar contra os passageiros.

- Levei um susto danado. Pensei que tivesse levado um tiro quando vi minha camisa toda ensanguentada. Mas era sangue do cobrador (Manoel), que foi atingido e caiu sobre mim - contou o vendedor Sérgio Noronha Duarte, de 52 anos, um dos passageiros.

Vinte e um passageiros foram à 6ª DP (Cidade Nova) registrar a ocorrência.            

veja também