MENU

Idosos viajam de graça para outros Estados

Idosos viajam de graça para outros Estados

Atualizado: Quinta-feira, 30 Outubro de 2008 as 12

Idosos do Município de São Paulo já estão fazendo viagens interestaduais de graça, desde que esta conquista foi garantida pelo artigo 40 do Estatuto do Idoso.

Têm direito ao benefício pessoas com 60 anos ou mais que ganham até dois salários mínimos. Os que não podem comprovar essa renda devem tirar a Carteirinha do Idoso, documento que permite ao idoso fazer viagens interestaduais (rodoviárias, ferroviárias ou aquaviárias) gratuitas ou com 50% de desconto. As primeiras carteirinhas foram entregues este ano pela Smads, em evento no Centro de Referência da Assistência Social (Creci).

O procedimento é simples. O idoso com esse perfil deve procurar as Supervisões de Assistência Social (SAS), localizadas nas 31 Subprefeituras, e fazer o Cadastro Único. É necessário levar documento pessoal com foto, dos familiares (caso more com parentes) e comprovante de residência. Enquanto a carteira não estiver pronta, será emitida uma declaração provisória que já permite ao idoso viajar gratuitamente.

"A procura pela carteirinha ainda é pequena. Mas todos os idosos que não podem comprovar renda de até dois salários mínimos têm este direito garantido", explica Sandra Regina Gomes, coordenadora de Idosos da Smads. Em quatro meses, 3.500 carteirinhas do idoso foram expedidas pela Secretaria. A estimativa é atender 500 mil idosos na Cidade de São Paulo. "É importante ressaltar que quem tem comprovante de renda não precisa tirar a carteirinha, basta apresentá-lo ao buscar a passagem no guichê", explica Sandra.

O casal Maria Rabelo Zani, de 72 anos, e João José Zani, de 78, viajou para Cornélio Procópio, no Paraná, em agosto. "Como temos a carteirinha, não pagamos nada. Só a taxa de embarque mesmo", conta Maria. Sem a carteirinha, diz ela, o casal não poderia visitar a família no Paraná. "A gente não tinha dinheiro para pagar as passagens".

Postado por: Claudia Moraes

veja também