MENU

Inauguração de termelétrica no RS será 1º palanque de Dilma no cargo

Inauguração de termelétrica no RS será 1º palanque de Dilma no cargo

Atualizado: Quinta-feira, 20 Janeiro de 2011 as 10:59

Depois de provar o gosto dos palanques na campanha eleitoral, a presidente Dilma Rousseff vai voltar a um deles na próxima semana. A estreia dela em palanque como presidente será no Rio Grande do Sul, na inauguração da Termelétrica Candiota 3, na próxima sexta-feira. A usina fica na cidade de Candiota.

A termelétrica já opera a plena carga, mas a inauguração da terceira fase, prevista para ocorrer desde novembro, foi atrasada para que tivesse a presença de Dilma e do então presidente Lula.

A decisão de fazer da inauguração o primeiro palanque da presidente foi tomada ontem, em reunião no Planalto.

A inauguração tem um sentido simbólico para a presidente. Ela lidou com o projeto da termelétrica tanto como secretária de Energia do RS quanto como ministra das Minas e Energia.

A expectativa, no Rio Grande do Sul, é que a presidente aproveite o evento para anunciar a fase 4 da termelétrica. No mesmo dia, segundo a prefeitura da cidade, governada pelo PT, Dilma receberá o título de cidadã candiotense.

A termelétrica é um convênio da CGTEE (Companhia de Geração Térmica de Energia Elétrica) financiada por um banco chinês. A CGTEE é presidida por Sereno Chaise, ex-companheiro de Dilma no PDT e que deixou o partido com ela, em 2000.

O Planalto planejava fazer da primeira viagem da presidente dentro do Brasil um símbolo de suas principais bandeiras: combate à miséria e dar foco a mulheres e crianças. Com a tragédia causada pelas chuvas no Rio, Dilma acabou indo ao Estado na semana passada.

Além de Candiota, a presidente deve ter agendas em Porto Alegre na quinta feira.

Por: Ana Flor

veja também