MENU

Internet via rádio chega à ilha do Mel

Internet via rádio chega à ilha do Mel

Atualizado: Segunda-feira, 3 Janeiro de 2011 as 8:19

Acabou o tempo em que visitar a Ilha do Mel significava ficar isolado do mundo. Agora, turistas, visitantes e moradores da ilha podem ter acesso à internet via rádio em estabelecimentos que oferecem computadores para o público mediante pagamento por hora. Além dessa facilidade, a comodidade do pagamento por meio de cartão de crédito ou débito também tomou conta da Ilha do Mel.

Para o turista Allan Rolin, de Londrina, norte do Estado, ter acesso a internet na Ilha do Mel foi essencial para dar continuidade à excursão. “Ficamos perdidos no meio do caminho. Encontramos a lan house e conseguimos nos achar. Agora já sei também que vou poder mandar informações e fotos desse lugar fantástico para o pessoal que ficou em Londrina”, brinca o estudante.

Turistas

Segundo Maycon Roberto da Rocha, gerente de uma lan house na Ilha do Mel, muitos turistas de outros países procuram seu estabelecimento para entrar em contato com familiares e amigos. “O mais interessante da nossa loja é que a maioria das pessoas que usam a intenet, procura programas para interagir com os parentes e amigos que estão nas suas cidades de origem”, diz. Rocha conta ainda que o perfil de usuários é bem diferenciado. “Recebemos desde turistas de outros países até moradores da ilha. Durante o verão, por exemplo, devido à grande procura, teremos quatro máquinas disponíveis aos turistas e duas para os nativos”, ressalta.

Para Rômulo Pangracio, empresário da Ilha do Mel, não é mais preciso ficar desconectado do mundo. “Hoje muitos contam com internet sem fio e outras tecnologias. A facilidade de instalação das máquinas de crédito e débito, por exemplo, contribuem para o turismo, pois facilitam o pagamento”, avalia.

Para o prefeito de Paranaguá, José Baka Filho, a Ilha do Mel está seguindo aquilo que acontece mundialmente, mas sem perder as características e belezas naturais que tornaram a ilha famosa. “A tecnologia mais barata e acessível permitiu que isso chegasse à ilha. Visitantes, surfistas e curtidores da ilha são pessoas que estão presentes nas redes sociais. Eles querem ficar ligados e conectados com essa ferramenta de extrema importância no dia-a-dia. É o lápis e borracha de hoje”, compara.

Meio Ambiente

Outras tecnologias que vão além da comodidade aos visitantes já são usadas em alguns restaurantes e pousadas. Uma delas envolve o reaproveitamento da água da chuva. “Seis estabelecimentos já estão aplicando essa tecnologia, que transforma a precipitação em água potável. Ao longo de cinco meses usando esse mecanismo já consegui registrar economia de 40%”, conta empresária Suzi Albino, administradora regional da Ilha do Mel. “Essa tecnologia traz a solução para a falta de água durante a temporada”. Dezesseis pousadas estão na fila para adotar o sistema.

veja também