Jennifer Aniston fala sobre novo filme, "Caçador de Recompensa"

Jennifer Aniston fala sobre novo filme, "Caçador de Recompensa"

Atualizado: Sexta-feira, 16 Abril de 2010 as 12

Todo mundo conhece Jennifer Aniston da série Friends. Mas desde que o programa acabou, ela vem tentando emplacar sua carreira no cinema. E não está fácil. Seu novo filme é Caçador de Recompensa (The Bounty Hunter), em que contracena com Gerard Butler (o Leônidas de 300), que estreia essa semana no Brasil.

Um pouco antes do filme entrar em cartaz lá nos Estados Unidos, Gabrielle Compolongo, colaboradora do site parceiro Collider, foi conversar com a atriz sobre como entrou no projeto, as cenas de ação, como foi trabalhar com Butler e mais algumas surpresas. Confira abaixo, no YouTube ou leia a transcrição na íntegra:

Você foi atrás desse projeto, ou ele veio atrás de você?

Jennifer Aniston: Ele veio atrás de mim. Quero dizer, ele não veio atrás de mim, mas jogaram no meu colo. Não foi uma coisa agressiva de maneira alguma. Mas, sim, o roteiro chegou no meu escritório e eu li. Foi bem rápido. Instantâneo. Adorei.

Como foi trabalhar com o Gerard?

Tão incrível quanto você poderia imaginar. Ele é muito querido.

Então ele foi o que você esperava?

Ele foi o que eu esperava. Eu já tinha me encontrado com ele no ano passado, então meio que já o conhecia. E nós conversamos bastante no telefone algumas vezes, sobre um outro projeto que talvez íamos fazer. Nos demos super bem. Foi mais ou menos exatamente o que ele foi naquela ocasião. E no set também. Você nunca sabe como vai ser, porque quando começa a trabalhar com alguém das 5h30 da manhã até o fim do dia, durante três meses, você começa a ver todos os lados da pessoa. E ele é aquilo que você vê, um amor de pessoa o tempo inteiro.

E uma coisa que nós não sabemos sobre Gerard e que você sabe?

Eu não sei se ele gostaria que eu te contasse. Isso é tipo de coisa... se você não sabe e eu sei, porque eu iria...

Bom, o que você não sabe sobre Gerard? Que ele é muito sensível, extremamente sensível, chora facilmente.

Ok. E qual o seu aspecto favorito da relação entre Milo e Nicole?

Eu adoro a relação apimentada deles e como são ariscos. E a paixão deles. Eu acho que eles têm tanta gana um do outro... estão tão bravos e cheios de ódio, que tudo isso apenas significa o quanto eles se amam, eu acho.

Então por que isso funciona para eles? Esse tipo de amor e ódio?

Bom, acho que eventualmente funciona para eles porque acabam percebendo, ao passar por essa jornada juntos, que eles na verdade ainda se amam e o que eles precisam. Sabe, às vezes você precisa se afastar para ganhar perspectiva.

Você fez todas as suas cenas de ação?

Não todas. Mas não vou dizer quais.

Ok, mas qual foi a mais difícil?

Das minhas?

Sim.

A perseguição de carro. Fiquei morrendo de medo.

Espero que você não se importe de sair um pouco do assunto, mas você imaginava que Como Enlouquecer Seu Chefe se tornaria cultuado, quase um clássico cult?

Não! Na época? Nunca! De maneira alguma. Virou não, um clássico cult?

Sim, eu só estava me perguntando se você entrou no projeto já sabendo que seria...?

Não, entrei pensando "Graças a Deus que consegui um trabalho!".

veja também