MENU

Johnny Depp sobre novo 'Piratas do Caribe': 'Meus filhos gostaram'

Johnny Depp sobre novo 'Piratas do Caribe': 'Meus filhos gostaram'

Atualizado: Segunda-feira, 16 Maio de 2011 as 11:36

Navegando em águas para lá de traiçoeiras, o ator Johnny Depp revelou à imprensa internacional em Cannes neste sábado (14) o quarto e mais recente episódio da franquia "Piratas do Caribe". Primeiro da série projetado e filmado todo em 3D, o novo blockbuster da Disney tem todos os elementos para agradar os fãs de ação e aventura, mas pouco para conquistar os críticos que frequentam o festival em busca de produções artísticas menos convencionais.

Irônico como o próprio Capitão Jack Sparrow, personagem que compõe e interpreta desde o primeiro filme da série, de 2003, Depp se mostrou tranquilo quanto a possíveis reações negativas ao novo longa. "Sempre tive medo dos críticos. Eles realmente me assustam", brincou. "Mas acho que as pessoas vão gostar. Desde o início nos esforçamos para criar algo que soasse realmente novo. Algo feito para o público, com ele em mente. Ninguém é à prova de balas, mas sinto que fizemos um bom trabalho porque, na origem, estávamos fazendo-o pelas razões certas."

Mas antes da opinião dos críticos ou do público - o filme estreia nos EUA e no Brasil só em 20 de maio -, Depp garante que o mais importante já conquistou: a aprovação em casa. "Minha família vê muito mais os meus filmes do que eu. Muito mais. Incluindo este. Eles vão e posso ver pela reação deles se fiz direito", conta o ator, que já declarou em várias ocasiões que evita se ver na tela. E eles parecem ter gostado muito. Até agora, não fui demitido por eles."

Neste "Piratas do Caribe - navegando em águas misteriosas", Jack Sparrow se alia a Angela (Penélope Cruz), filha do lendário Barba Negra (Ian McShane), para partir em busca da Fonte da Juventude. Em seu encalço está o arquiinimigo Hector Barbossa (Geoffrey Rush), que já esteve nos três filmes anteriores e agora retorna como corsário para a coroa britânica.

Além de Penélope e McShane, a nova aventura apresenta um elemento das histórias de piratas que até então não havia aparecido na série: sereias. Metade mulher, metade peixe, metade real, metade computação gráfica, as criaturas são um dos destaques do filme, não só quanto aos efeitos especiais mas por conta da escalação de atletas de nado sincronizado para realizar os difíceis movimentos.

Mas como os fãs da série e todo o elenco durante a coletiva de imprensa em Cannes não se cansou de frisar, este novo "Piratas do Caribe" segue funcionando por um principal motivo: a presença cômica marcante de Depp, como o pirata malandro, medroso e romântico - que ele descreve como "uma mistura estranha de Keith Richards com o gambá Pepe" dos desenhos animados.

Segundo o ator, é também à filha dele que devemos parabenizar como a primeira e maior incentivadora de Jack Sparrow.

"Comecei a testar esse personagem secretamente, para ver quais seriam as reações em casa. Quando minha filha era pequena, estava lá brincando com as Barbies dela, eu me abaixava e ficava brincando com ela fazendo essas vozes. Até que um dia ela finamente disse: 'pare!'." Assim nasceu o pirata.

Por: Diego Assis

veja também