MENU

José, onde está você?

José, onde está você?

Atualizado: Segunda-feira, 27 Setembro de 2010 as 2:35

Para sujar o rosto de alguém com barro, antes, terei de sujar as próprias mãos. Rostos e mãos sujos é o que mais temos visto nas últimas eleições. São tantas denúncias e acusações que fica difícil descobrir onde estão as fichas limpas, afinal, a sujeira só aumenta.

Desde menino, crescendo pelas ruas de terra da Vila Medeiros, aprendi a sonhar. Lembro-me quando fui apresentado ao menino José, o sonhador filho de Jacó. José, afogado nas águas amargas da traição, da escravidão, da prisão e, por fim, correndo riscos com as perigosas liturgias da política egípcia, manteve-se íntegro, honesto, decente. Queria um candidato assim.

José, onde está você? Onde foram parar nossos sonhos? Nossos desejos de ver a justiça triunfar? Nossos sonhos por ver mais e mais pessoas felizes e sem fome?

José, onde está você? Está insuportável a banalização que é praticada contra a moral. A esposa sedutora de Potifar conseguiu espalhar sua filosofia de vida em praticamente todos os ambientes. Acadêmicos, empresariais, familiares. E hoje, os adeptos de tal filosofia, nem dependem da ausência de Potifar, pois as imoralidades são praticadas abusivamente em todo canto e lugar para quem quiser ver.

José, onde está você? Durante toda campanha só assisto ataques e promessas que falam de competências e capacidades pessoais, não ouço nada sobre perdão. Perdão é palavra fora de moda, não dá voto, mas, acredite, dá paz.

José, onde está você? Consumir, consumir e consumir, esta é a tônica das campanhas que prometem mais crescimento, mais progresso, mais consumo. É bom. No entanto, esta fase maravilhosa da nossa economia, como qualquer fase na vida, passa. Também aqui, não ouço uma voz orientando a prevenção. Guardar para suportar depois, algo como aquela simples e sábia orientação das vacas magras e vacas gordas.

José, onde está você? Estou cansado de políticos que só aparecem na igreja no período das eleições. Falta alguém como você, José, homem que não se desvairou com os privilégios, vantagens e poderes do palácio. Homem que honrou seu Deus o tempo todo, em gestos, pensamentos, atitudes e palavras.

José, onde está você? Meus filhos precisam de modelos como o seu, minha esposa, meus pais, minha nação, eu preciso. Que o mundo tem muito do antigo Egito, já sabemos. Que o mundo caminha para o dia decisivo de se encontrar com Cristo, também sabemos. Porém, por pior que seja ou esteja o quadro, um José sempre será bem-vindo. Apareça, se mostre, quem sabe não foi para esta hora que Deus lhe preparou? José, onde está você?

Paz!

Pr. Edmilson Mendes

Edmilson Ferreira Mendes   é teólogo. Atua profissionalmente há mais de 20 anos na área de Propaganda e Marketing. Voluntariamente, exerce o pastorado há mais de dez anos. Além de conferencista e preletor em vários eventos, também é escritor, autor de quatro livros: "Adolescência Virtual", "Por que esta geração não acorda?", "Caminhos" e "Aliança".

Contatos com o pastor Edmilson Mendes:

www.mostreatitude.com.br  

[email protected]

veja também