MENU

Juiz vai decidir se shopping indenizará família de vendedor espancado

Juiz vai decidir se shopping indenizará família de vendedor espancado

Atualizado: Quarta-feira, 8 Junho de 2011 as 12:45

Reginaldo morreu três dias após ser  espancado em

shopping de Cuiabá (Foto: Reprodução/TVCA)

  A justiça deve decidir nesta quarta-feira (8) se a família do vendedor ambulante Reginaldo Donnan Queiróz tem direito a receber indenização por parte do shopping onde ele foi espancado. A audiência será às 16h (horário local) na 7ª Vara Cível, em Cuiabá. O juiz Elinaldo Veloso ouvirá a mãe, os irmãos e outras testemunhas e decidirá se o shopping terá que pagar indenização à família da vítima. O valor pedido por danos materiais e morais é de R$ 3,5 milhões.

Reginaldo Donnan Queiroz foi espancado por seguranças de um shopping da capital no dia 29 de agosto de 2009. Ele foi agredido durante cerca de meia hora e em seguida colocado em um contêiner de lixo para que fosse retirado do local sem chamar a atenção. O vendedor morreu três dias depois de ficar internado na UTI do Pronto-Socorro de Cuiabá em decorrência das agressões que sofreu.

Em outubro de 2010, os ex-seguranças Jefferson Medeiros e Ednaldo Belo foram considerados culpados e condenados pela morte de Reginaldo. Os outros dois réus, Jorge Nery e Valdenor de Moraes, que também trabalhavam como seguranças no shopping, foram absolvidos das acusações.          

veja também