MENU

Justiça condena acusados de assaltar joalheria em shopping de SP

Justiça condena acusados de assaltar joalheria em shopping de SP

Atualizado: Sexta-feira, 17 Junho de 2011 as 11:09

Joalheria Tiffany foi assaltada em maio do ano

passado (Foto: Reprodução/TV Globo)

  A Justiça de São Paulo condenou os cinco acusados de assaltar a joalheria Tiffany, do Shopping Cidade Jardim, na Zona Sul de São Paulo. O crime ocorreu em maio do ano passado. De acordo com a decisão do juiz Antonio Carlos de Campos Machado Junior, da 19ª Vara Criminal, os réus não poderão recorrer da decisão em liberdade. A condenação aconteceu no dia 10 de junho, mas só foi divulgada pelo Tribunal de Justiça de São Paulo nesta quinta-feira (16).     Segundo a denúncia, dois irmãos e mais três comparsas armados roubaram 72 peças de joias de ouro e diamantes pertencentes à joalheria, causando prejuízo estimado em R$ 1,5 milhão.

Dois dos acusados foram condenados a seis anos e oito meses de reclusão; outros dois a seis anos ;e o quinto acusado a cinco anos e quatro meses de reclusão.

A Justiça absolveu o dono do carro usado no crime, pois não ficou comprovado o envolvimento dele no assalto. O proprietário do veículo alegou que dois indivíduos em uma motocicleta o roubaram.

Prisões

No início desta semana, a polícia prendeu cinco suspeitos de envolvimento na receptação das joais roubadas na loja da Tiffany do Shopping Cidade Jardim. As prisões ocorreram na Zona Leste de São Paulo, entre a segunda (13) e terça-feira (14).

Segundo o diretor do Departamento de Investigações sobre o Crime Organizado (Deic), Nelson Silveira Guimarães, das 216 peças roubadas na ocasião, 37 foram recuperadas com as prisões e apreensões. Anteriormente, por ocasião da prisão da receptadora de joias roubadas, uma chinesa, de 35 anos, em fevereiro deste ano, outras 31 peças já tinham sido recuperadas.          

veja também