MENU

Justiça de São Paulo condena cinco acusados de assaltar joalheria

Justiça de São Paulo condena cinco acusados de assaltar joalheria

Atualizado: Quinta-feira, 16 Junho de 2011 as 4:22

A 19.ª Vara Criminal de São Paulo condenou cinco acusados de assaltar a joalheria Tiffany, do Shopping Cidade Jardim, na zona sul de São Paulo. O crime ocorreu em maio de 2010. A decisão foi dada na última sexta-feira (10). De acordo com a setença do juiz Antonio Carlos de Campos Machado Junior, os réus não poderão recorrer em liberdade.

Segundo a denúncia, dois irmãos e mais três comparsas armados roubaram 72 peças de joias de ouro e diamantes pertencentes a joalheria, causando prejuízo estimado em R$ 1,5 milhão.

Dois dos acusados foram condenados a seis anos e oito meses de reclusão, outros dois a seis anos e o quinto acusado a cinco anos e quatro meses de reclusão. A decisão também absolveu o dono do carro usado no crime, pois não ficou comprovado o envolvimento dele no assalto. O responsável pelo carro disse que dois indivíduos numa motocicleta roubaram o automóvel dele.

Prisões recentes Na terça-feira (14), um homem suspeito de integrar o grupo que assaltou a joalheria Tiffany em maio de 2010 foi preso. De acordo com a SSP (Secretaria da segurança Pública), porém, o envolvimento dele no assalto ainda está sendo investigado. Um dia antes, na segunda-feira (13), dois homens suspeitos de envolvimento na receptação das joias roubadas da Tiffany também foram detidos.

  Durante a ação, policiais do Grupo de Combate a Facções Criminosas do Deic (Departamento de Investigações sobre Crime Organizado) apreenderam seis peças roubadas na zona leste da capital paulista. Funcionários da joalheria confirmaram que o material tinha sido roubado Da Tiffany.   De acordo com a polícia, uma equipe investigava um soldador havia 60 dias. As informações apontavam que ele guardava peças do roubo de maio de 2010. Segundo a polícia, os agentes descobriram uma possível negociação de algumas dessas joias e os investigadores passaram a acompanhar o suspeito. A abordagem aconteceu junto à estação Vila Carrão do Metrô. Ele e um borracheiro estavam dentro de um carro. Os policiais encontraram quatro peças em poder do soldador. Outras duas jóias estavam no veículo.

O Roubo

No dia 16 de maio de 2010, 72 peças foram roubadas da joalheria Tiffany & Co do Shopping Cidade Jardim, na zona sul de São Paulo, por homens armados com fuzis e metralhadoras. Na época, a empresa calculou o prejuízo em R$ 1,5 milhão. Ainda no ano passado, seis suspeitos do roubo foram presos.        

veja também