MENU

Justiça determina desbloqueio dos bens de Roger Abdelmassih

Justiça determina desbloqueio dos bens de Roger Abdelmassih

Atualizado: Quinta-feira, 16 Setembro de 2010 as 3:12

Desembargadores da 3ª Câmara de Direito Privado do Tribunal de Justiça de São Paulo acolheram o recurso da defesa de Roger Abdelmassih e decidiram pelo desbloqueio dos bens dele. O médico, especialista em reprodução humana, é acusado pelo Ministério Público de ter estuprado pelo menos 56 pacientes durante consultas em sua clínica nos Jardins, área nobre da capital. A decisão favorável a Abdelmassih saiu na terça-feira (14).

O médico foi preso em agosto de 2009 e solto em dezembro do mesmo ano após ter sido beneficiado por um habeas corpus no Supremo Tribunal Federal (STF). No início de dezembro, a Justiça determinou a indisponibilidade dos bens de Abdelmassih, do filho dele, Vicente Abdelmassih, e da clínica de reprodução humana no Jardim Europa. O advogado José Luis Oliveira, um dos que fazem a defesa do médico, confirmou a sentença do Tribunal de Justiça, mas não quis comentá-la. “Decisão tem que se cumprir.” De acordo com ele, Abdelmassih “está recluso” e não falará nada sobre o assunto.

O bloqueio do patrimônio dos Abdelmassih tinha sido determinado pela juíza Adriana Sachsida, da 34ª Vara Cível. Na ocasião, um dos argumentos dela foi que o dinheiro poderia servir para pagamento de possíveis indenização de pacientes.

Postado por: Thatiane de Souza

veja também