MENU

Justiça determina transferência de acusado de agressão em livraria

Justiça determina transferência de acusado de agressão em livraria

Atualizado: Segunda-feira, 8 Novembro de 2010 as 11:57

A 1ª Vara do Júri de São Paulo determinou a Secretaria da Administração Penitenciária (SAP) a transferência do professor Alessandre Fernando Aleixo para um manicômio judiciário. Aleixo é acusado de agredir o designer Henrique de Pereira Carvalho com um taco de beisebol na Livraria Cultura do Conjunto Nacional em dezembro de 2009. O jovem morreu em outubro deste ano após passar dez meses internado.

A determinação foi feita na última quinta-feira (4), segundo o Tribunal de Justiça. O despacho recomenda “especial cautela e atenção, especialmente a partir do que consta de relatório psiquiátrico dando conta de que o réu apresenta ‘alta periculosidade para terceiros’, sendo portador de esquizofrenia paranoide, e teria interrompido voluntariamente o uso da medicação psicoativa na unidade em que se encontra recolhido”.

A decisão da transferência ocorreu em agosto deste ano, após audiência em que Aleixo foi ouvido. O processo foi suspenso após o Ministério Público solicitar a realização de um exame de incidente de insanidade mental do agressor no Instituto Médico-Legal (IML). Ele já estava preso no Centro de Detenção Provisória (CDP) de Pinheiros.

Até as 9h desta segunda-feira (8), a Secretaria da Administração Penitenciária ainda não havia informado se a transferência já tinha sido realizada.

veja também