MENU

Justiça manda soltar nove suspeitos de fraude no Detran-RJ

Justiça manda soltar nove suspeitos de fraude no Detran-RJ

Atualizado: Quarta-feira, 26 Outubro de 2011 as 8:48

A Justiça mandou soltar nove suspeitos de fraude no Detran-RJ . Eles deixaram a carceragem da Polinter no Grajaú, na Zona Norte do Rio, no início da madrugada desta quarta-feira (26). Os suspeitos estavam presos havia cinco dias e foram soltos depois que o prazo da prisão temporária terminou.

O Ministério Público chegou a solicitar a prorrogação das prisões, mas o juiz da 43ª Vara Criminal do Rio não aceitou o pedido alegando que não haveria mais nenhum motivo para que os suspeitos continuassem presos.

Entre os suspeitos havia funcionários do Detran, despachantes, instrutores, donos de autoescolas e funcionários de clínicas médicas.

A fraude

De acordo com as investigações, o grupo era responsável pela venda de carteiras de habilitação. As imagens da Corregedoria do Detran mostram um casal, apontado pela polícia como integrante da quadrilha, sendo flagrado em pleno esquema de venda de uma carteira para um motociclista. O candidato sai da fila da prova prática, passa o dinheiro para a despachante e vai embora sem prestar o exame. Ele foi aprovado sem nenhum erro na prova prática.   Segundo as investigações, a quadrilha usava moldes de silicone com digitais de candidatos para assinar a presença deles. O grupo atuava em 11 municípios e emitia cerca de 200 carteiras por mês. O faturamento chegava a R$ 10 milhões por ano.

Apesar da liberação dos presos, outras 13 pessoas que tiveram mandados expedidos e não foram encontradas desde a semana passada ainda são procuradas pela polícia. Outros presos que estão em diferentes unidades prisionais devem ser liberados ainda nesta manhã.            

veja também